estrategias-marketing-digital-para-e-commerce

Dicas e estratégias de marketing digital para e-commerce

Não precipite o lançamento. Opa esse é um dos primeiros pontos que precisa observar com muita atenção. Leia tudo até o final e coloque em prática.

Um dos maiores erros que alguns lojistas online acabam fazendo é lançar seu site muito cedo e no momento errado. Antecipando as coisas antes que esteja pronto pode ser um grande tiro no pé. Você só tem uma chance de lançar o seu site.

marketing-digital

Portanto, isso tem que ser feito direito e de forma consistente e segura. É bom, por exemplo, comprar o seu nome de domínio e obter uma página com os dizeres: em breve será lançado o site. Seu site só será um sucesso se for trabalhada da forma correta a publicidade paga, mídia social, marketing de conteúdo e SEO.

Estratégias de marketing digital

A plataforma

Existem inúmeras plataformas para a sua loja online e algumas delas personalizadas Essas plataformas oferecem muito apoio e são rápidos e fáceis para começar, bem como de alta qualidade. Com isso, escolha a que melhor se adere ao seu negócio virtual.

Concentre-se em seus usuários

Está bem estabelecido que uma das principais desvantagens que as empresas de comércio eletrônico têm não é ser capaz de pensar em seus clientes propriamente ditos. Por exemplo, faça um processo de pagamento fácil e conveniente usando um carrinho de compras simplificado, proporcionando o transporte livre e oferecendo preços adequados são algumas das melhores coisas que você pode fazer para tornar o processo mais fácil e mais conveniente para os seus clientes.

Preocupe-se com a usabilidade e amigabilidade das telas do site pra ajudar nas compras dos usuários.

Certifique-se de testar tudo

Antes de lançar o seu negócio de comércio eletrônico, é muito importante investir em análises e testes. Você deve continuar investindo nesses requisitos durante e após o lançamento do e-commerce. Erros e bugs prejudicam muito a imagem da empresa.

Ficar envolvido com a mídia social

Empresários de comércio eletrônico que delegam a mídia social para os outros em sua equipe ou terceirizar o processo está cometendo um grande erro. A mídia social é o centro do seu negócio.

Ele lhe proporciona um olhar para dentro importante na vida de seus clientes. Apesar de ter um gerente de mídia social você precisa para ficar intimamente envolvido com mídias sociais para acompanhar os feedbakcs dos clientes.

Incorporar elementos sociais em seu site

O seu e-commerce deve incluir elementos sociais sobre ele. Adicionar coisas como opções de login sociais e botões para os seus depoimentos e análises de produtos ajudam bastante a aumentar o engajamento dos clientes, visibilidade do site e as suas conversões.

Pense móvel

Mais e mais pessoas estão usando seus telefones celulares, tablets e outros dispositivos móveis para procurar e comprar produtos. Se você não tiver um e-commerce que contemple os aplicativos móveis em consideração ao construir o seu negócio de comércio eletrônico você terá sérios problemas de acesso de clientes em pouco tempo.

Invista em SEO

O mercado de ecommerce cresce rapidamente, um número grande de empresas continuará a entrar nessa arena já lotada. E por isso que é essencial ficar atualizado sobre todas as mais recentes atualizações e desenvolvimentos de SEO para que você possa se destacar de seus concorrentes.

Em longo prazo, uma das melhores coisas que você pode fazer para se manter competitivo é para se conectar com um especialista em SEO qualificado. Com isso, você terá conteúdo otimizados pelos mecanismos de busca captando clientes de forma orgânica através do gole, por exemplo.

Coletar informações do cliente

É vital que você obter informações dos clientes e construir bases de dados para ajudá-los a fazer compras futuramente de forma direcionada e assertiva. Através do perfil dos clientes dá pra projetar futuras necessidades de compras desses clientes. É importante construir estratégias de negócios on-line através de muitas experimentações para entender o que funciona melhor para seu nicho de negócio.

Ou seja, cada caso é um caso.  A melhor abordagem é escolher um objetivo para cada campanha e que seja mensurado os resultados obtidos de acordo com o perfil de cada público. Enquanto compras on-line permite aos consumidores comparar facilmente os bons preços e super descontos, também permite às empresas coletar informações detalhadas sobre o histórico de compras e preferências do cliente. Lojas online podem usar essas informações para personalizar os preços que eles cobram. Vale a pena ficar atento a isso.

Continuar a evoluir

Não pare nunca de evoluir. Fique antenado aos gostos dos clientes, tendências e mudanças de tecnologia. Você deve mudar e se adaptar sempre se você estiver interessado em ter sucesso nesse mercado em rápida evolução e mudança constante. Acompanhar todas as ondas de momentos é muito importante.

Ofereça Promoções

Quando se oferece códigos de descontos para sua loja online você tem uma arma poderosa no seu arsenal de conversão e tornar-se bem rentável desde que seja feito da forma adequada.

Ao utilizar essa estratégia de cupons de descontos o lojista deve fazer parceria com site de promoções para disponibilizar esses cupons na internet. E com isso, aumentar a vendas e potencializar de forma eficaz a aquisição de novos clientes.

Mineração dos dados

Com o uso da Mineração de dados, é possível descobrir informações relacionadas a associações, sequências, classificação, aglomeração e prognósticos da base de dados das vendas do lojista. Veja mais detalhes de cada um desses conceitos e seus benefícios:

Associações: São ocorrências ligadas a um único evento

Por exemplo: um estudo de modelos de compras em supermercados pode revelar que, na compra de salgadinhos de milho, compra-se também um refrigerante tipo cola em 65% das vezes: mas, quando há uma promoção, o refrigerante é comprado em 85% das vezes. Com essas informações, os gerentes podem tomar decisões mais acertadas, pois aprenderam a respeito da rentabilidade de uma promoção.

Sequências: Na sequência os eventos estão ligados ao longo do tempo. Pode-se descobrir, por exemplo, que quando se compra uma casa, em 65% às vezes se adquire uma nova geladeira no período de duas semanas; e que em 45% das vezes, um fogão também é comprado um mês após a compra da residência.

Classificação: Reconhece modelos que descrevem o grupo ao qual o item pertence por meio do exame dos itens já classificados e pela inferência de um conjunto de regras.

Exemplo: empresas de operadoras de cartões de crédito e companhias telefônicas preocupam-se com a perda de clientes regulares, a classificação pode ajudar a descobrir as características de clientes que provavelmente virão abandona-las e oferecer um modelo para ajudar os gerentes a prever quem é, de modo que se elaborem antecipadamente campanhas especiais para reter esses clientes.

Aglomeração (clustering): Funciona de maneira semelhante à classificação quando ainda não foram definidos grupos. Uma ferramenta de data mining descobrirá diferentes agrupamentos dentro da massa de dados.

Por exemplo, ao encontrar grupos de afinidades para cartões bancários ou ao dividir o banco de dados em categorias de clientes com base na demografia e em investimentos pessoais.

Prognóstico: Embora todas essas aplicações envolvam previsões, os prognósticos as utilizam de modo diferente. Partem de uma série de valores existentes para prever quais serão os outros valores. Por exemplo, um prognóstico pode descobrir padrões nos dados que ajudam os gerentes a estimar o valor futuro de variáveis com números de vendas.

Esses sistemas realizam uma análise de alto nível quanto a padrões ou tendências, mas também podem esmiuçar os dados para revelar mais detalhes, se necessário. Existem aplicações de data mining para todas as áreas funcionais da empresa de ecommerce.

E como saber usar o data mining para analisar detalhadamente padrões em dados sobre consumidores e, a partir disso, montar campanhas de marketing um-a-um ou identificar clientes lucrativos.

Por fim, essas dicas acima podem ajudar o empreendedor de ecommerce a tirar o máximo proveito de seus esforços para aumentar significativamente a chances de sucessos no mercado competitivo de comércio on-line.

Dicas e estratégias de marketing digital para e-commerce
5 (100%) 1 vote
-->Aproveite e cadastre seu email abaixo para receber novas atualizações do site. Após colocar o seu email abaixo vai receber um email de confirmação de cadastro não esqueça de clicar.<--

Receba novidades no seu email:

Delivered by FeedBurner

Claudio Gomes

Empreendedor online e offline. Empreendimentos e negócios. Trabalho com Internet Marketing/Negócios Online alguns anos e consegui acumular muitas informações sobre negócios e formas de ganhar dinheiro online. Trabalho com informática e represento uma empresa de perfumaria e cosméticos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*

2 comentários em “Dicas e estratégias de marketing digital para e-commerce