priscila-casimiro

Priscila Casimiro Blogueira do Mãe sem frescura – Conheça a sua história

Aos poucos estou conseguindo novas entrevistas com algumas blogueiras e posso dizer estou dificultando um pouco mais nas perguntas e posso afirmar são as melhores respostas. Conheça a história da Priscila Casimiro do Blog Mãe Sem Frescura.

Sim aos poucos estou conseguindo quebrar algumas barreiras e estou conseguindo algumas entrevistas no mundo feminino e espero abrir esse espaço também para elas Mulheres no qual posso afirmar esta conquistando o seu espaço na internet com muito sucesso.

priscila-casimiro

Conteúdo

E como sempre vamos as famosas perguntas para Priscila Casimiro do blog Mãe Sem Frescura.

A ideia da do blog da Priscila Casimiro eu acho fantástica e esta crescendo esse conceito de blogs e hoje ela vai explicar como deu início e os motivos.

1 – Por favor, Priscila Casimiro informe um pouco mais sobre você e como chegou ao mundo digital

Iniciei no mundo digital por acaso após o nascimento do meu filho com o objetivo de ajudar as mamães em suas angústias e alegrias compartilhando os meus erros e acertos como mãe, mulher, esposa e profissional.

2 – Em sua opinião, o que é ser problogger? Você é uma problogger?

Problogger é aquele blogueiro que ganha dinheiro com o seu blog, além de compartilhar dicas que facilitam o dia a dia das pessoas. Difícil dizer se sou ou não uma problogger, pois trabalho fora e o mundo digital é somente um complemento do meu trabalho oficial, ou seja, foco é com o meu trabalho e o blog vem depois.

3 – Dizem que um empresário “quebra” entre 4 a 6 empresas antes de conseguir construir uma empresa de sucesso. Isso vale para blogs? Ou a blogosfera é menos cruel e é permissiva com blogs mal-sucedidos?

Acho que não vale esta teoria, pois vejo muitas pessoas com produtos e serviços péssimos que por sorte estão super bem sucedidas. A blogosfera não é mais cruel, entretanto para chegar lá é preciso muito empenho e sorte como tudo na vida. Vejo blogueiras sem qualquer conteúdo com milhões de seguidores/visualizações, o que me faz duvidar o que realmente as pessoas procuram na internet.

4 – Qual a sua opinião sobre o papel dos blogs como mídia de informação?

Os blogs estão ali para ajudar as pessoas em suas rotinas, muitas vezes sabemos o que precisamos fazer para organizar/melhorar o nosso dia, mas somente quando ouvimos/vemos outras pessoas/influenciadores damos valor para aquilo que outros ou nós mesmos já tínhamos pensado.

Blogs têm uma imagem e conteúdo a zelar, eu, por exemplo, só compartilho o que acho bacana.

5 – Como mídia recente, qual a condição dos blogs de substituir ou competir com outros canais de comunicação [Rádio, TV, Jornal] na área de publicidade?

Os blogs são meios de publicidade mais baratos do que os canais de comunicação tradicionais e com a vantagem de ter a indicação direta ao público alvo. Não considero uma substituição, mas sim uma divulgação conjunta.

6 – Um artista do elenco da Rede Globo disse uma vez que “blog é mídia de quem não está na mídia”. Você acha que o blog ainda é uma ante-sala da mídia oficial ou hoje o blog já tem status de mídia?

Não. Hoje muitas celebridades possuem blogs e redes sociais com o objetivo de se promoverem ainda mais e ainda ganharem publicidade. Talvez esta frase no passado fosse mais adequada.

7 – Qual a sua opinião sobre a influência das redes sociais no desenvolvimento da blogosfera?

Super importante! As redes sociais estão diretamente ligadas aos seguidores, trazendo assim mais e mais pessoas antenadas no seu cotidiano.

8 – O que você acha da responsabilidade dos blogs que ensinam e formam novas blogueiras?

Essenciais, mas tudo deve ser com muita responsabilidade. Há uma ilusão de se ganhar muito dinheiro de forma fácil.

9 – Quem escreve para outros blogs costuma atender algumas dúvidas de alguns leitores que podem ver como uma espécie de guru com soluções para todos os males. Essa responsabilidade incomoda? Visto que somos sujeitos a falhas e limitações.

Não incomoda, pois é uma identificação das pessoas, entretanto é preciso ter responsabilidade na hora de ajudar.

10 – Quem descobre agora o mundo dos blogs, fica deslumbrado com a ilusão do dinheiro fácil. Isso contribui para aumentar a enxurrada de blogs ou plagiadores. De que forma você acha que poderia passar este conhecimento, sem criar uma expectativa de que é algo fácil?

O mundo dos blogs e redes sociais não é fácil, é preciso ter conteúdo, tempo e muita sorte. Conseguir seguidores não é do dia para a noite, ter visualizações no seu blog deve-se contar com o Google que sempre está mudando seus critérios, dificultando ainda mais na conquista de leitores. Nada cai do céu!

11 – Quais são as primeiras dificuldades para uma blogueira quando esta começando?

Ter leitores!

12 – Você consegue e como lidar com blog e a vida de mãe?

Não lembro ao certo como decide ter um blog, pois simplesmente aconteceu e quando o meu filho tinha praticamente um ano deu início ao blog Mãe Sem Frescura. Como trabalho fora, tenho uma família e uma série de responsabilidades, ter um blog é ter o contato com pessoas que buscam uma palavra amiga, um conselho ou simplesmente querem saber mais da minha história. Sinto que ajudo as pessoas e também me ajudam em muitas descobertas.

Ser mãe e ter um blog já virou algo que faz parte da minha vida e o meu filho já entende muito bem, participando ativamente do blog e das redes sociais.

13 – Qual o rumo e tendência da blogosfera brasileira feminina?

A tendência é aumentar ainda mais, embora espero que o conteúdo seja mais valorizado.

14 – Ainda existe espaço para novas blogueiras?

Claro! Cada um tem uma personalidade e um jeito de lidar com os seus seguidores/leitores.

15 – A blogosfera não tem fronteira? Ou existe um limite?

Considero que a blogosfera não há uma fronteira.

16 – O que falta para os blogs darem o pulo do gato e deixarem de ser o patinho feio da publicidade online?

Não são o patinho feio, simplesmente é algo novo e as empresas estão testando o que dá mais retorno. É só uma questão de tempo.

17 – Blogs cujo único objetivo é atingir o lucro tem vida longa?

Com certeza! Muitos seguidores/leitores não percebem que o intuito daquele blogueiro é ganhar lucro, desta forma muitos deixam de acompanhar, mas outros surgem. Com o passar do tempo talvez isso mude, mas vai demorar muito tempo.

18 – Hoje de qual forma você monetiza o seu blog (ganhos)?

O meu blog funciona por meio de anúncios no blog e nas redes sociais, além de funcionar muito bem com parcerias que são interessantes para mim e para as empresas.

19 – Seria os blogs o pote de ouro no final do arco-íris?

Talvez sim, mas ainda é cedo para dizer.

20 – Muito comum e muitos pensam que podem ganhar muito dinheiro com blogs, mas descobrem que não existe pote de ouro e que na verdade existem moedas espalhadas pelo caminho e somente ganha dinheiro quem melhor sabe procurar?

É isso mesmo! É preciso dedicação total para fazer isso acontecer.

21 – Informe os seus projetos e a sua visão do futuro para blogosfera.

O blog Mãe Sem Frescura trata de assuntos do cotidiano com conteúdo fitness, maternidade, saúde, bem estar, viagens, trabalho, festas e gastronomia. Tudo que envolve a minha vida como mãe, mulher, esposa, profissional e dona de casa.

Como sempre comento nas redes sociais – #EleCresceu – é assim que me refiro ao meu filho de 7 anos, tenho 32 anos e foi no meio de tudo isso que o mundo fitness começou a tomar conta da minha vida com o objetivo de mais saúde e qualidade de vida, ou seja, ser mais saudável agora para garantir um futuro melhor.

Assim compartilho diariamente a minha rotina maluca para dar conta de tudo isso, e como não sou guru de nada são os meus leitores/seguidores que me dão força para continuar e alcançar a minha meta.

Priscila Casimiro Blogueira do Mãe sem frescura – Conheça a sua história
3.82 (76.36%) 22 votes
-->Aproveite e cadastre seu email abaixo para receber novas atualizações do site. Após colocar o seu email abaixo vai receber um email de confirmação de cadastro não esqueça de clicar.<--

Receba novidades no seu email:

Delivered by FeedBurner

Claudio Gomes

Empreendedor online e offline. Empreendimentos e negócios. Trabalho com Internet Marketing/Negócios Online alguns anos e consegui acumular muitas informações sobre negócios e formas de ganhar dinheiro online. Trabalho com informática e represento uma empresa de perfumaria e cosméticos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*