Como criar uma carta de apresentação para uma vaga de marketing

Cada vez mais, as empresas estão exigindo dos candidatos a vagas de emprego, o envio de uma carta de apresentação para currículo.

Através dessa carta, alguns recrutadores formam a primeira impressão sobre os candidatos e decidem se eles merecem ou não avançar no processo seletivo.

Na área de marketing, esse documento é especialmente importante. Isso porque a habilidade de persuasão é muito valorizada nesse segmento. E uma carta de apresentação nada mais é do que um material de venda de você mesmo. É uma forma de promover seu marketing pessoal.

Através da carta de apresentação, é possível examinar à adequação do candidato à posição que está aberta e, no caso das vagas de marketing, suas competências para vendas. Afinal, se o candidato não consegue vender a si mesmo, provavelmente terá dificuldade em vender ideias e produtos da empresa.

Uma carta de apresentação deve despertar o interesse do recrutador do início ao fim. Por isso, deve ser de fácil leitura, objetiva e somente incluir informações que causem impacto. A carta não serve para esclarecer quem você é o que sabe fazer. O objetivo dela é mostrar que você tem condições de assumir os desafios da empresa.

Nesse artigo, vamos apresentar os principais pontos que você deve considerar ao preparar sua carta de apresentação para uma vaga de marketing e te auxiliar a impressionar os recrutadores com esse documento.

O que é uma carta de apresentação para currículo

A carta de apresentação, também conhecida como carta de motivação, muitas vezes é mais importante que o próprio currículo no processo seletivo. O currículo é sempre essencial, pois apresenta suas características, competências e experiências. Mas ele é um documento generalista: é sempre o mesmo, independente da vaga em questão.

Já a carta de apresentação, deve ser específica para a empresa e o cargo. Ela deve apresentar os motivos pelos quais aquele trabalho é atraente para você. E também transmitir os benefícios que a empresa terá ao contratá-lo. Por isso, ela não deve ser simplesmente um resumo do currículo. Na verdade, os dois documentos se complementam.

No texto da carta, você deve deixar claro seu entusiasmo, suas principais competências e suas credenciais para a vaga (resultados, reconhecimentos, prêmios). Deve sempre haver uma coerência entre seus atributos e o que é requerido para a vaga.

Os recrutadores valorizam muito quando o texto deixa claro que o candidato tem informações sobre os valores e as necessidades da empresa e apresenta suas habilidades como solução para essas necessidades. Essa empatia com os desafios da empresa costuma ser o principal diferencial das cartas de apresentação.

Por fim, você deve usar um tom de segurança e otimismo na carta, transmitindo credibilidade para gerar ótimos resultados para a empresa se for contratado. Mas sempre tomando cuidado para não parecer arrogante e presunçoso.

Carta de apresentação para vagas de marketing

Diferente do currículo, as informações da carta de apresentação devem ser transmitidas em um texto e não em tópicos. Embora deva ser sempre um documento único e personalizado, a maioria delas segue uma estrutura parecida.

Não existe um formato rígido para a carta, mas é comum usar aquela tradicional lógica de redação, com introdução, desenvolvimento e conclusão, mais precisamente usando os seguintes elementos:

  • cabeçalho
  • saudação
  • introdução
  • corpo
  • fechamento
  • assinatura

Para se inspirar, você até pode consultar alguns exemplos e modelos de carta de apresentação como referência. Mas para vagas de marketing, ousadia e originalidade no formato da carta pode ser uma boa aposta para gerar impacto, impressionar e se destacar entre tantos outros candidatos.

Existem alguns exemplos inusitados de pessoas que utilizaram formatos bastante originais e conseguiram chamar a atenção dos recrutadores. É o caso de uma candidata que fez sua carta de apresentação no formato de um rótulo de Coca Cola e enviou a bebida para sua empresa preferida, que por sinal recebe mais de 4.000 currículos por mês.

Por conta da criatividade da candidata, a empresa decidiu marcar a entrevista. Essa ideia, por sua vez, foi inspirada na de um publicitário lituano, que vivia nos EUA, e entregava seu currículo em caixas de donuts.

De qualquer forma, esses são casos isolados de sucesso. Pois o mais comum é seguir a estrutura tradicional de uma carta de apresentação e tentar impressionar o recrutador pelo conteúdo e não pelo formato.

Usar técnicas de venda para se vender

Todo profissional ou estudante de marketing conhece as principais técnicas de venda. Na elaboração de uma carta de apresentação para uma vaga de marketing, essas técnicas devem ser colocadas em prática para convencer os recrutadores que você é a melhor opção disponível para a empresa.

Você deve começar tratando o recrutador como uma “persona” e identificar os interesses, necessidades e valores da empresa. Por isso, é muito importante fazer uma pesquisa dessas informações.

Dessa forma, você consegue criar empatia e apresentar suas competências e experiências profissionais como solução para os desafios da empresa. A linguagem também deve ser calibrada para o perfil da empresa: formal ou informal. Essa é a técnica de rapport, muito usada para a venda de produtos e serviços.

O texto também deve usar técnicas de copywriting, ou seja, ser persuasivo, realçar os benefícios e usar mensagens originais e criativas. Uma boa carta consegue ser convincente com poucas palavras e frases curtas.

Nesse processo, também é importante utilizar gatilhos mentais, principalmente os de “prova social” e “autoridade” para fortalecer sua reputação. A comunicação deve ser feita procurando gerar os estímulos mentais adequados para encantar os recrutadores.

Por fim, se você ainda não tem experiência na área de marketing, destaque suas habilidades gerais, pontos fortes, experiência de trabalhos escolares e participação em atividades de grupo. Mas sempre associando essas informações às necessidades da vaga de emprego.

Todas essas técnicas, quando bem usadas, criam uma conexão emocional com o recrutador e aumentam suas chances no processo seletivo.

Procure analisar de forma crítica todas essas sugestões de carta de apresentação para currículo, adotar aquelas que fazem parte de sua realidade e estará no caminho certo para se destacar entre os demais candidatos.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Consulte mais informações