Converse All Star: Quando a marca se sobrepõe à moda

0

Um fato inegável é que o Converse All Star já se tornou um estilo; ou algo muito próximo com um conceito simplesmente embutido na realidade de jovens que curtem um alternative style.

Porque All Star não conseguia sair da moda?

O mais curioso de tudo isso é que, esteticamente falando, o converse não evoluiu muito, já perceberam?

Não estamos falando de tecnologia, mas da estética, da “cara” do tênis. Aliás, ‘tênis’ é um termo nada usual quando nos referimos ao tão conhecido All Star.

Bem, mas qual a história do Converse All Star e porque ele não mudou muito?

A long time ago, mais precisamente na década de 1910, a estadunidense “Converse Rubber Company  of Massachussetts” criou um tênis feito em lona com bico de borracha.

Algo muito parecido com o que conhecemos hoje, não?

O grande passo para alavancar o modelo, que a princípio chamava-se apenas Converse, veio junto com uma bela sacada: um contrato de patrocínio com Chuck Taylor, a grande estrela do basquete nacional da época. Para nós, uma ideia óbvia, mas lembre-se que estamos falando do que é, provavelmente, o primeiro contrato de patrocínio de um tênis.

Quase 100 anos depois de ser lançado o primeiro modelo Converse All Star, percebemos que a posição da marca foi tão bem construída que quebrou um dos princípios básicos do marketing: a inovação do produto.

Os mercados são dinâmicos e praticamente todos os produtos têm uma vida limitada até ser descoberta uma nova maneira de satisfazer o desejo ou a necessidade que os geraram; em outras palavras, até que apareça uma outra solução ou fornecedor do benefício.

Kotler

Obviamente temos outros casos de produtos que resistiram firmemente com a sua marca mesmo com o pesar da concorrência, como a Coca-Cola. Mas, neste caso, trata-se de moda, e sabemos que nada é mais rápido e dinâmico do que a moda. Isso não é incrível?  Isto nos leva uma reflexão sobre o poder de uma comunicação bem feita aliada a um produto de qualidade, a ponto de levar, não só o nome, mas uma fórmula que se adapta aos mais diversos estilos.

Ou não é verdade que o popular All Star era o preferido de tribos e mais tribos que nascem e morrem com passar dos tempos?

Tem gente até casando de Converse All Star

Converse All Star no Casamento

Converse All Star: Use como quiser

Sinceramente, não dá pra criar uma regra sobre o All Star. Por ter sido um tênis super dinâmico e se adaptava tão bem a tantos estilos, que seria errado fazer restrições sobre o uso dele. Portanto, meninos e meninas conseguia com criatividade usar com calça skinny, shorts, saias, vestidos, t-shirts… Para os caras, a dica da calça skinny também valia muito, além das bermudas, camisetas básicas e blazers que era a grande moda bem demais com o Converse All Star.

Felizmente hoje ainda podemos encontrar vários locais vendendo All Star, porém com vendas menores e pouca fama. A fama e o estilo também tem o seu tempo.

Como eu sou da época do kichute era um famoso tênis dos anos 80 também lembrei do All Star e fiz esse artigo. Na época eu Claudio era muito jovem e não tinha condições de comprar nem mesmo os meus pais. Hoje as marcas conseguem fazer o mesmo com alguns jovens com interesse em ter um, mas não conseguem comprar. Espero que esse artigo possa inspirar e um dia esse jovem possa fazer um artigo inspirado.

Sobre o marketing feito por grandes empresas/marcas conseguem passar com mais detalhes o interesse e desejo de comprar.

Gostou do texto ou não, deixa a sua opinião. Vamos discutir?

5/5 - (6 votes)
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Consulte mais informações