Despertando o espírito inovador – Aprenda o que é necessário para começar


Despertando o espírito inovador. Pense em como seria magnífico se todos tivessem a oportunidade de contribuir sugerindo ideias e sendo reconhecidos por isso.

Por sorte, as companhias esperam cada vez mais que todos e não apenas alguns descubram métodos novos e criativos de fazer negócio.

Qualquer pessoa pode despertar a inovação e a criatividade não utilizadas utilizando os seguintes princípios:

Despertando o espírito inovador

1 – Elimine o mistério da criatividade: defina os resultados esperados para que todos entendam para onde os colaboradores devem dirigir os seus esforços.

2 – Descubra de que maneira as pessoas são criativas: cada uma delas tem o seu jeito particular de produzir ideias. Peça sugestões, mas lembre-se de que estilos de trabalho são diferentes.

3 – Defina especificamente os desafios: concentre-se em áreas nas quais as soluções criativas sejam necessárias em vez de desperdiçar tempo naquelas que geram pouco ou nenhum retorno para organização.

4 – Minimize o medo do fracasso: encontre maneiras de absorver o risco. Encare os erros como oportunidades de aprendizado. O fato de você recompensar os que correm riscos os estimulará a inovar ainda mais.

5 – Assuma a responsabilidade pessoal: desenvolva um clima de inovação. Comece com você mesmo e as pessoas a sua volta terá a mesma influência.

6 – Estimule a comunicação ativa: estabeleça linhas de comunicação direta entre as pessoas para possibilitar uma troca de ideias rápidas e constante.

7 – Aprimore seu comportamento e as suas habilidades criativas de o exemplo.

Atributos pessoais para a iniciativa.


8 – Dedique um tempo ao desenvolvimento da criatividade. Marque um compromisso regular com você para pensar a respeito da perspectiva mais ampla e de novas maneiras de resolver antigos problemas.

9 – Esteja aberto a novas ideias. Ouça o que os seus colegas tem a dizer, estimule a criatividade e respeite a opinião deles.

10 – Ponha ideias em prática. Ter uma ideia é apenas uma das partes da equação. Ela não terá valor se você não a levar adiante.

11 – Aprenda com os seus erros ou identifique os seus erros. Pergunte a você mesmo ou aos seus colegas o que poderia ter sido feito de um modo diferente. Planeje aplicar em futuras situações o que você aprendeu.

12 – Faça uma pausa. A pausa ajuda a permiti ao cérebro a chance de relaxar de que ele tanto precisa e ajuda recarregando as baterias.

13 – Divirta-se. Você passa cerca de um terço de seu tempo no trabalho (formal ou informal). Sem dúvida que o dinheiro é importante, mas a maneira como você leva a vida enquanto trabalha também pode ser divertida.

14 – Seja otimista. Procure o que é bom em todas as pessoas que encontrar e em tudo o que fizer. Você ficará impressionado ao ver como os seus colegas se sentirão melhor se você estiver presente para levantar o ânimo deles.


Mais informações Você não precisa de dinheiro para ganhar dinheiro. Você precisa de tempo.

Avalie

Comentários

  1. Bruno Simomura abril 17, 2012
    • Claudio Gomes abril 17, 2012

Deixe uma resposta

Digite abaixo a numeração *