Truques para manter os visitantes no blog – 2 parte

Nesse artigo explico como manter os visitantes no seu blog de forma simples e eficaz. Criar um artigo que contenha pelo menos algum tipo de ação que o leitor deverá executar.

Como manter os visitantes

Essa é a segunda parte do artigo sobre como manter os visitantes.

Como organizar um artigo para o seu blog

Muitas pessoas têm de gastar muito tempo criando itens de uma forma consistente e eficiente, por isso eu queria falar um pouco mais sobre o meu próprio sistema que eu encontrei ele reduz o tempo entre começar a escrever e publicar um artigo.

A ideia para manter os visitantes

A primeira parte da publicação de artigos é ter muitas ideias. Às vezes só precisa iniciar uma sessão digitando palavras relacionadas ao tema do meu blog e começar a escrever. Depois de ter algumas ideias, alguns pontos chave em um único artigo, tenho uma ideia completamente considerada.

Isto também ajuda a ver o que as outras pessoas estão escrevendo. Olhar para o passado e ver o que foi interessante para as pessoas alguns anos, dois anos ou mais. Será que as coisas mudaram ou continuam a ser as mesmas?

Perguntas para fazer e manter os visitantes

Em geral perguntas são feitas das seguintes formas: Sabe sobre o que? Qual? Onde? Por quê? E como? E essas questões são infinitamente mais importantes quando se começa a escrever um artigo para o blog. Estes são especialmente úteis quando você não sabe tudo e você necessita de algo para investigar o que queremos e ter a possibilidade de incluir no artigo.

Por exemplo, se você estiver escrevendo um artigo sobre um veículo da empresa você pode adicionar facilmente as informações sobre quem desenhou os principais carros. Quando você trabalha melhor. Qual tem sido a aceitação do público e o que o que os espera nos próximos anos.

O inquérito

Não é necessário muito tempo investigando, ou pode ser esbarrado com aquilo que outros já disseram. Para longos artigos, você não deve gastar mais de uma hora pesquisando para um artigo.

Não gaste tempo escrever um artigo enquanto faz as pesquisas, ou concentra-se nele ou vai perde o tema principal.

Demasiada variedade pode cair dentro do mundo da sobrecarga de informação, onde nunca acontece nada produtivo.

Artigo

A quantidade de tempo que você precisará para escrever um artigo sempre depende do seu tamanho. Não se preocupe com o que está escrito, então você pode voltar depois e editar.

O atraso na hora de escrever pode ser tão importante quanto aos detalhes.

Um apelo à ação

Depois de ter escrito e editado o artigo, sugiro sempre que volte e adicione uma chamada para a ação. Pode ser uma pergunta no final do artigo, links relacionados a leituras ou simplesmente um pedido de comentário sobre seu artigo.

A publicação

Depois, que tudo esteja concluído publique. Os seus artigos não fazem bem a ninguém se não tiver sido publicado. Dê para o mundo, sinta-se livre para editar e depois que eles forem publicados, escreva outros novos dando muitos detalhes.

Não se esqueça de deixar o mundo saber o que escreveu. Não seja tímido, as pessoas estão sedentas de novos conteúdos, novas ideias e novas perspectivas. A melhor coisa que um escritor pode receber é uma crítica construtiva sobre como podemos melhorar.

O título perfeito vai manter os visitantes

Em geral, quando se escreve títulos é importante escrever palavras-chave que são úteis para fins de SEO. No entanto, se você escrever sempre para os mecanismos de pesquisas, os seus títulos podem tornar-se repetidos.

Você deve estar disposta a ser mais corajoso e diferenciar-se dos outros. De vez em quando utilize um título  impressionante, estimulante ou tentador. Isto irá adicionar uma pequena faísca para o seu blog.

Portanto, aqui estão alguns tipos de títulos que podem servir:

  1. Faça uma pergunta

A vantagem de fazer isso é uma questão que estimula o leitor a participar e comentar. Este é o tipo de artigo que incentiva outras pessoas a participarem. Lidar com título como: “Como deixar o seu blog mais rápido?”, “Tráfego – qualidade ou quantidade?” ou “Como medir o sucesso do seu blog?”.

  1. O top 10 ou top 100

Estes são fáceis de ler e dar um ar de autoridade. Se você realmente deseja alcançar, tente com um top 50 ou até mesmo com um top 100. O top 100 pode demorar muito tempo para escrever, mas tem uma boa ocasião de se tornar um artigo famoso.

Por exemplo, muitos top 10 temas de WordPress, ou top 10 do WordPress plugins. Mas todas estas são incompletas ou um plugin os top 100.

  1. Faça artigos relevantes para manter os visitantes

Existem muitos artigos na Internet sobre o Google. Se você adicionar outro artigo “Como evitar ser penalizado pelo Google,” o título é particularmente excepcional.

No entanto, se você usar “Como é que Henrique Damas (inventa ou usa um nome famoso) evita a penalização do Google” tem 2 vantagens adicionais. Isso cria interesse em conhecer o Henrique Damas e, além disso, o artigo não é apenas teórico, mas promete ser um estudo de caso prático.

Cria uma experiência pessoal e acrescenta interesse para o artigo.

  1. Segredos do SEO

Bons conteúdos recebem ligações. O que as pessoas precisam são dicas de SEO as mais recentes técnicas e dicas que muitas pessoas não têm ouvido. Quando você escrever: “Segredos de… esta” dá uma sensação de que você tem algum conhecimento confidencial, algo diferente.

Apenas certifique-se que ao escrever um artigo deste tipo não comece com: “Um bom conteúdo é importante”.

  1. Ser polêmico

Normalmente, não gosto de criar polêmica, e julgar outro blogueiro sem conhecer é falta de julgamento profissional. No entanto, não há nenhuma razão para que você não escreva o contrário do que muitos pensam.

O importante é tentar fazer algo novo. Não se mantenha escrevendo artigos como “Onde colocar o AdSense”, etc.

Esses itens são bons, mas tente misturar com muito mais artigos originais.

Como Acordar Os Seus Leitores Para A Ação

Embora este tipo de artigo não seja recomendável numa dose diária, é seguramente uma das diversas técnicas de blogging que você deverá ter disponíveis para por em prática sempre que considerar importante. Na vida do seu blog, haverá momentos em que você pretenderá que os seus leitores façam algo mais do que consumir os conteúdos, e tomem portanto uma ação, independentemente de qual seja. Alguns tipos de ação incluem:

• Implementar uma ideia acerca de algo que você escreveu;

• Subscrever os seus RSS Feeds para leitor ou por email;

• Adquirirem um produto afiliado;

• Registrarem-se num afiliado através dos seus códigos promocionais;

• Escrever um comentário a um artigo;

• Votar num inquérito que se encontra dentro ou fora de um artigo;

• Efetuar uma doação ao seu blog e/ou a uma instituição específica;

• Votar nos seus conteúdos através das redes sociais e agregadores;

• Comprar um produto que você criou e comercializa diretamente no blog;

• Visitar um outro website ou blog que você recomenda;

• Contratá-lo para um serviço que você presta;

• Ler um outro conteúdo que você recomendou;

• Visitar a página da sua empresa; etc, etc, etc.

Esta lista na verdade podia não ter fim. Tantas são as hipóteses em causa e as ações que os seus leitores podem tomar. No entanto, todas estas ações beneficiam diretamente o seu blog, enquanto outras são aplicações práticas de ensinamentos e dicas que você coloca nos seus conteúdos. Independentemente do que sejam, todas elas são ações e você deverá promovê-las.
Dicas para acordar seus leitores para a ação
Acordar os seus leitores para ações no seu blog muitas vezes depende do acordar você próprio para essas mesmas necessidades. Sem apelos às ações é impossível um blog crescer em determinados dados quânticos e métricos.
Relevância é a chave – peça aos seus leitores para tomarem uma ação que na verdade é relevante e contextualizada com o nicho de mercado onde você atua. Embora isto pareça demasiado óbvio, a verdade é que ainda existem muitos blogueiros que escrevem artigos despropositados e pedem aos seus leitores para tomarem ações que na realidade não são contextualizadas em nada com o teor do blog. Quanto mais relevante for a ação, maior é a probabilidade de ser realizada com sucesso.
Construa uma cultura de ação – uma das regras comuns a todos os blogs interativos é que todos eles demoraram algum tempo até conseguirem construir esse culto de ação e interação. Quando se começa um blog, é normal existirem muito poucos comentários por artigo (ou nenhum), praticamente não existem votos nos inquéritos colocados, os links de afiliado não rendem, entre muitas outras coisas.
No entanto e à medida que o tempo vai passando, os resultados começam a aparecer e as métricas começam a aumentar gradualmente. A minha recomendação é que você comece desde o início a chamar os seus leitores para a ação e para a interação com o seu blog. Isso pode ser feito através de chamadas para comentários, respostas a questões, participação em votações, e por aí adiante. O importante é começar.
À medida que a sua cultura de ação vai crescendo, você posteriormente poderá subir para ações mais relevantes e onde o atrito e reticência é maior.
Faça quebras com humor– embora este tipo de ação não seja exequível em todo o tipo de blogs, a verdade é que o humor é uma excelente forma de quebrar a passividade e levar os seus leitores a tomarem ações. Muitas vezes a participação ativa da comunidade depende um pouco do humor aplicado nas ações, pelo que da próxima vez que chamar um leitor para tomar uma ação, lembre-se de fazê-lo com descontração e naturalidade.
Marque o trabalho de casa – uma das razões para o nosso sucesso com as chamadas para ação é precisamente pela dedicação que temos vindo a dar a essas mesmas chamadas. De nada serve desejar muitos subscritores RSS, por exemplo, se na verdade não existe um culto de trabalho em torno desse objetivo.
Truques para manter os visitantes no blog – 2 parte
1 (20%) 13 votes
-->Aproveite e cadastre seu email abaixo para receber novas atualizações do site. Após colocar o seu email abaixo vai receber um email de confirmação de cadastro não esqueça de clicar.<--

Receba novidades no seu email:

Delivered by FeedBurner

Deixe uma resposta

Digite abaixo a numeração *