juliano-marcos

Entrevista Com Juliano Marcos Blogueiro e Black Hat – Dicas sobre SEO

Esse é Juliano Marcos é um cabra doido e gente boa (brincadeira). Mais um guerreiro do mundo virtual e conheci nos grupos do facebook e posso dizer o cara manja e sabe o que faz. Não perca e venha junto nessa leitura.Pense em um camarada gente boa, brigão e sabe o que faz… É o Juliano Marcos esse é doido é dos meus kkkkk. Autor da famosa frase “GSA sem camisinha”. Hoje a entrevista é um pouco diferente e fiz perguntas para o Juliano Marcos sobre SEO e Black Hat explicando as diferenças e para que entenda em que momento usar e quando usar da forma certa.

juliano-marcos

Conteúdo

Quer saber um pouco sobre Blakc Hat acompanhe a entrevista com Juliano Marcos

Se você é contra o black hat é mais um motivo para você ler esse artigo e você que usa black hat básico poderá tirar suas dúvidas.

1 – Passe um pouco de informações sobre a sua caminha digital e como foi o seu começo.

R: Primeiramente gostaria de agradecer a você Claudio, por me dar essa oportunidade, é sempre uma satisfação falar com você meu amigo, e agora, para seu público. Bom, minha caminhada começa em 2008, quando fiz meu primeiro blog no blogspot, que inclusive está lá, parado no tempo e mais tarde veio a se tornar um livro. Na época sabia de uma coisa, gostava de escrever.

Esse blog eu rentabilizava com adsense. Bom, como todo bom iniciante, eu clicava nos meus anúncios, achando que o Google nunca iria perceber. Aheuhauehaehuae. Obviamente fui banido. Em 2010 lanço outro blog, dessa vez já sabia que não podia clicar nos meus anúncios, mas descobri o tal do hidden text, hidden text html e as famosas fazendas de links feito de blogspot.

Enfim, não demorou muito para eu ter uma porrada de fazendas com nada dentro e vários, vários links. Levo bomba de novo do Google. Depois disso já estava mais esperto, aí foi só alegria. Mas olhando por esse ângulo, desde que me conheço, prático Black Hat.

2 – Criar conteúdo para o visitante ou para o Google? Qual o motivo?

R: Bom, acredito que bom texto deve ser criado para os dois. Tem que ser natural, para agradar o leitor, mas também conter as técnicas SEO, para agradar o titio Gluglu. Com o tempo vai se criando um texto com os elementos onpage.

3 – O que seria melhor: criar um grande conteúdo? Ou criar bons backlinks?

R: Tenho a opção de escolher os dois? Ahahahahha. Bom se é um ou outro, vou pelo maior fator de rankeamento os backlinks.

4 – O que faz Rankear: Um grande conteúdo ou backlinks?

R: Não consigo ver um fator isoladamente, com certeza a maior fatia do bolo vai para os links que apontam para você, entretanto, conteúdo de qualidade é fundamental para conversão.

5 – Sinais sociais tem valor para hankeamento ou não compensa investir nisso?

R: Sim, tem peso sim. E acredito que compensa. Porém é mais um grão de areia nesse mar de fatores. Não é a salvação da lavoura.

6 – Sobre texto âncora – Antes era feito vários artigos com texto âncora exato. Hoje em 2016 continua dessa forma ou precisa diversificar? Pode gerar penalizações?

R: Diversificação é a solução. Mas não uma diversificação qualquer. Acredito que muitos aqui vão até me xingar. Hahahaha… Muitas pessoas usam a diversificação dos textos âncoras como “Clique Aqui”, “Nesse texto”, etc…

Eu já tento diversificar dentro da própria semântica, ou seja, um exemplo simples, se você tem um blog sobre carros, ao invés de usar “Clique aqui”, eu já usaria as marcas dos carros, “BMW”, “Ferrari”, e assim por diante. Tento cercar o tema, ficar no assunto. Obviamente se você forçar a barra, você pode ser punido. Se bem que eu nunca vi punição por isso, mas enfim, dizem que pune.

7 – Qual a sua opinião: Viver pagando para gerar tráfego ou conquistar tráfego orgânico?

R: Com certeza tráfego orgânico, ou tudo que fazemos em SEO é em vão.

8 – Marketing de conteúdo e SEO andam juntos? Qual se deve valorizar mais?

R: Sem dúvidas nenhum andam juntos. Agora qual se deve valorizar mais é uma pergunta difícil, pois cada um vai puxar a brasa para sua sardinha, poderia ficar tempo aqui dando argumento o porque do SEO ser mais valorizado, mas o profissional da outra área teria tantos argumentos quanto eu.

Vou responder assim, “depende do projeto”, fica melhor. Hauehuaheuhaeuhae.

9 – Não precisa se preocupar com SEO e simplesmente criar um conteúdo incrível?

R: Sempre se preocupe com o SEO. Sem exceção!

10 – Indique 5 lugares para compartilhar e divulgar conteúdo.

R: Aqui vou ser mais amplo, diretório de artigos, redes sociais (Facebook, Twitter, Linkedin, etc), Webs 2.0, diretórios de pdf (já coloca aquele link maroto para o site e ganha aquele backlink dofollow experto) e slideshare.

11 – Alguns blogueiros tem como prioridade divulgar primeiro para o visitante o programa de afiliado que esta divulgando. O que deveria ser prioridade programa de afiliado ou capturar o email desse visitante?

R: Bom, para mim o programa de afiliado. Mas cada um tem um jeito de trabalhar que dá mais certo. Então teste A/B.

12 – Se você não tem uma lista, você não tem um negócio? Esta frase esta certa ou errada? Qual a sua opinião?

R: Errada! Você não precisa de lista para fazer negócios, sua criatividade conta muito mais. Mas com certeza uma boa lista ajuda pacas… hauhauhauhauha.

13 – Google adsense ou programa de afiliados em qual investir?

R: Depende do projeto, para mim afiliados, mas tem sites que o adsense funciona muito bem.

14 – Qual a sua opinião sobre alguns Gurus cobrando 5/10 k por mentoria?  O que acha dos Gurus de palco?

R: hauehuaehuhaeuhae… odeio gurus, de todas as formas. Mas se tem alguém que paga, sorte a deles. Como eu sempre digo, “Os lobos não somem, pois as ovelhas não param de chegar.”

15 – Com a mega divulgação que esta sendo feita sobre o programa GSA ainda precisa de guest post?

R: GSA e Guest Post são duas estratégias diferentes. Guest Post é sempre uma boa opção para os White Hat achar que continuam praticando White Hat. Eu, particularmente, não gosto de guest post. Geralmente rola algum tipo de bajulação de alguma das partes.

Mas tenho que admitir que é uma estratégia poderosa, afinal, não é só o backlink que você está ganhando, também o trafego do site que você escreveu.

16 – Qual seria mais indicado para quem esta começando com black hat. Money Robot ou GSA? Qual a diferença entre eles?

R: Bom, se você puder escolher um programa para entrar no mundo das trevas do SEO, com certeza o GSA. GSA é um programa completo, muito poderoso e atualmente o mais usado para a construção de links automatizados. Money Robot é um software muito simples, limitado e com uma taxa de efetividade muito baixa.

money-robot

Mesmo usando bons proxies, bons captchas e indexadores, o programa ainda tem muitos problemas. Além de ser lento. Querendo ou não, tudo termina no GSA, acabamento ou fazendo backlinks extras.

gsa

Uma dica que eu sempre dou é: Cuidado ao usar o GSA sem Camisinha. GSA só com preservativos crianças. Hauheuhaeuhauehae.

17 – Black hat é uma técnica que explora falhas do Google. O google melhora as sua métricas devido ao black hat ou faz por existir novas gerações com novas necessidades?

R: Acredito que pelos dois motivos. Além do Black Hat, eles tentam sempre atualizar o algoritmo para entregar um resultado aparentemente satisfatório para o usuário. Conforme eles. Eu discordo, mas vamos fingir que acreditamos. 😉

18 – Quando um iniciante deve usar programas black hat?

R: Quando ele compra o seu primeiro domínio. O quanto antes ele aprender a usar as ferramentas, melhor. Bom, o iniciante tem que entender que tudo trás consequências. “Com grandes poderes vem grandes responsabilidade”, já diria o finado tio do homem aranha.

19 – Antigamente era bem precário e a maioria em inglês os spinners. Hoje podemos confiar e usar os spinners brasileiros? O que melhorou nesse sentido?

R: Bom, com certeza melhorou um bocado os Spinners. Apesar de hoje termos só 3 em PT BR (The Best Spinnier, Spinner Chief 4 e SpinnerBR), gosto do Spinner do Peruano. Atualmente é o que utilizo e acho mais confiável.

Com certeza um Spinner não é um redator, então a pessoa tem que ter bem claro, o que é um spinneador e o que é um redator. Os Thesaurus estão melhorando, espero que futuramente estejam muito melhor.

20 – Se possível cite e explique algum case ou projeto que não deu certo com e sem black hat.

R: Que não deu certo? Hauhauhauhau acho que ficaria até amanhã aqui contando história das que não deram certo. Mas um laboratório que fiz, deu certo no início e quando veio o Pinguim 4.0 recebi uma punição marota, foi uma que fiz uma pirâmide de redirect 301. Coloquei 30 domínios expirados em 3 níveis de 10.

Um redirecionando para o outro, até chegar no domínio principal. Quando os domínios começaram a indexar, comecei a rankear em palavras que nem existiam em meu site, linguagens que eu nem conhecia e subi mais rápido que foguete…aheuhauehuaehuhaeuhaeuhae… Veio o Pinguim 4.0 e praticamente fui expulso do Google.

21 – O que você espera ou pensa que poderá acontecer de novo no mundo black hat?

R: Softwares mais poderosos, mais caros e mais do mesmo. Enquanto os backlinks forem o principal fator de rankeamento, teremos variações do que já existe. Por enquanto, nada de novo no front, o GSA sem camisinha vai continuar sendo o rei por um bom tempo.

22 – Informe um pouco dos seus projetos e o que pretende começar em 2017.

R: Meus projetos continuam os mesmos: Consultoria para empresas. Esse ano de 2016 foi muito bom, fiz consultoria em empresas realmente grandes, espero que 2017 continue assim. E a principal novidade é o meu curso que vem aí, janeiro será o lançamento. GSA, SEnuke, Scrapebox, Money Robot, Proxys, Seo Content Machine, Spinneadores, indexadores, dicas e truques. Tudo vai ser abordado.

Vai ser um curso para iniciantes, médio e avançado. Podem esperar que vai sair um curso diferente de tudo que vocês já viram! Você pode acompanhar o trabalho do Juliano Marcos no SEO Black Hat.

Entrevista Com Juliano Marcos Blogueiro e Black Hat – Dicas sobre SEO
5 (100%) 4 votes
-->Aproveite e cadastre seu email abaixo para receber novas atualizações do site. Após colocar o seu email abaixo vai receber um email de confirmação de cadastro não esqueça de clicar.<--

Receba novidades no seu email:

Delivered by FeedBurner

Claudio Gomes

Empreendedor online e offline. Empreendimentos e negócios. Trabalho com Internet Marketing/Negócios Online alguns anos e consegui acumular muitas informações sobre negócios e formas de ganhar dinheiro online. Trabalho com informática e represento uma empresa de perfumaria e cosméticos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*

4 comentários em “Entrevista Com Juliano Marcos Blogueiro e Black Hat – Dicas sobre SEO