GuestPost uma perda de tempo? Ou estratégia para criar backlinks?

Inicio este artigo respondendo que não. Os GuestPost são uma das formas tradicionais e opções na internet para gerar tráfego e muitos webmasters começam assim.

Porém, a pratica de Guest Blogging também é muito útil para quem tem seus artigos publicados em outros blogs gerando backlinks. Esta pratica tem sido utilizada por muitos blogueiros e webmasters, pois propicia uma construção de link building de forma natural. A famosa técnica marketing guest post.

Hoje vamos falar um pouco sobre as vantagens do guest blogging para quem produz artigos. Esta técnica é muito utilizada para divulgar também programas de afiliados de qualidade.

Distribuem conteúdo de grande qualidade aos websites mais populares. Alguns até escrevem mais nos websites dos outros do que propriamente para o seu. A ideia é bem simples publicar em blogs que aceitam colaboradores.

Compensa criar GuestPost? Guest post o que é?

GuestPost

Guest post o que é

O que é estratégia de guest blogging?

A partir de conversas que tenho tido com alguns leitores, o volume de tráfego dos artigos é muito maior do que aquele atingido em redes sociais. Embora a proporção em termos de volume possa ser ligeiramente inferior, na realidade a qualidade do tráfego é muito superior. O fruto desse resultado é leitores que permanecem durante longos períodos na página do autor convidado.

Link Building

O Link Building continua sendo a estratégia mais eficiente para quem trabalha com blogs e sites. O Link building é capaz de posicionar sites e páginas nas primeiras posições dos resultados do Google, e mudar completamente o tráfego do site ou do blog. Embora existam outros fatores que influenciam neste ranqueamento, sabemos que a eficiência de um link building é essencial para competirmos com as principais palavras-chave nos buscadores.

Visitas

Um outro aspecto importante no guest blogging é a questão das visitas obtidas através destas publicações. Embora o tráfego que obtemos pelos buscadores com o link building seja relativamente maior, não podemos descartar a visitação que obtemos através dos artigos que publicamos em outros blogs. Com o passar do tempo e com a construção de diversas postagens em blogs, o montante de visitas geradas pode ser realmente significativas. Guestblogging serve para aumentar o tráfego, links e a sua influência até mesmo junto aos buscadores.

Construção de uma imagem sólida

Este é mais um ponto que podemos destacar. Quando criamos artigos de qualidade para serem postados em outros locais, acabamos por obter o reconhecimento do publico que o outro blog possui. Isto é um fato importante, pois é uma forma de divulgarmos nosso trabalho sem investir dinheiro, investindo apenas esforço para a produção de conteúdo.

Estamos em um momento onde a competitividade por tráfego e pelas primeiras posições em buscadores de peso, como o Google, são acirradas e conquistadas por detalhes. Neste cenário, o Guest Blogging pode ser a solução para conquistarmos este espaço com um baixo investimento.

Tráfego contínuo

Os GuestPost têm um poder incrível de oferecerem tráfego de uma maneira contínua aos seus autores. Apesar de um artigo desse gênero poder manter-se apenas durante alguns dias na homepage, a verdade é que ele gera tráfego para sempre. E, se esse artigo tiver bem otimizado, então ele poderá render milhares de visitas.

Escolha bem o assunto e o título, pois isso influência bastante o resultado final. Ao mesmo tempo também ganha exposição, tráfego direto e certa credibilidade.

Credibilidade

A escrita dos guestposts poderá atrair os leitores que você deseja para o seu website, procurando necessariamente aquilo que deseja oferecer. O seu primeiro objetivo enquanto webmaster é colocar a sua credibilidade no topo, mas normalmente leva meses a ser construída. Ao mesmo tempo também oferece ao leitor um estatuto autoritário sobre determinadas áreas.

Os visitantes regulares de um website não são pessoas que querem perder o seu tempo com baboseiras. Elas apenas querem absorver informação de qualidade e subscrever aos espaços que lhe oferecem resultados ou soluções aos seus problemas. Caso não revele isso noutro website, então poderá ter a sua credibilidade arruinada e não conseguirá tráfego.

Taxa de rejeição pequena

Uma das maiores preocupações dos webmasters é a taxa de rejeição vinda das redes sociais. Normalmente são muito altas por serem direcionados a milhares de leitores. E, a quantidade não é sinônimo de qualidade.

Com os guest-posts acontece o inverno, em que o volume de tráfego é pequeno, mas a qualidade é muito melhor. Isso leva a uma taxa de rejeição baixa e uma permanência mais duradoura no website.

Para isso terá que escrever um artigo com qualidade acima da média e incluir conteúdos que captem a atenção do novo leitor. Se conseguir ambas as coisas, então terá facilmente várias pessoas fidelizadas ao seu website.

Oportunidades imediatas

Muitos webmasters também aproveitam os GuestPost para descansarem ou simplesmente dedicarem-se a outros projetos que tenham em mãos. Caso os seus artigos tenham muita qualidade poderá ainda aproveitar que o autor do website para quem escreve o convide para escrever regularmente em troco de pagamentos regulares.

Áreas de rentabilização

Outro ponto interessante dos GuestPost é a exploração da sua rentabilização. Para além de despertar interesse, muitas vezes as palavras-chaves encaixam-se na perfeição com os anúncios do Google Adsense. Portanto poderá rentabilizar esse anúncio para sempre, bem como igualmente receber tráfego de qualidade.

Para achar sites com interesses em guest posting:

“Seu nicho” + post convidado
“Seu nicho” + autor convidado
“Seu nicho” + escrever para nós
“Seu nicho” + artigo convidado

Guest-Post em inglês:

Mídia Social

copyblogger.com/copyblogger-guest-post/
mashable.com/submit/
marketingprofs.com/write-for-us
socialmediaexaminer.com/writers/
virtualband.net/register
searchenginejournal.com/write-for-sej/

inspirationfeed.com/guest-writing/
workitmom.com/submission/

business2community.com/become-a-contributor
bloggodown.com/write-for-us
bloggerspassion.com/submit-guest-post/
bloggingtips.com/write-for-us/
smartbloggerz.com/write-for-us/
famousbloggers.net/submit-your-article
quickonlinetips.com/archives/guest-blogging/

Iniciar carreira como GuestPost

A partir do momento que tem a certeza de que o guest-blogging é uma solução perfeita para ganhar tráfego para o seu website, agora deverá seguir os seguintes passos:

1. Identifique os websites onde pretende colocar os seus artigos. Mas, obviamente que deve procurar websites do seu nicho de mercado
2. Procure saber se existe uma página para se candidatar ao guest post ou fale diretamente com o dono do website
3. Escreva um email bem caprichado e profissional, candidatando-se ao lugar de guest post
4. Nunca dê os parabéns ao autor do website, porque muitos ficam com a sensação que estão a ser usados ou são uma espécie de objeto com determinado fim.
5. Indique os melhores artigos, as principais ideias do seu website e mencionar sempre o seu website. Conteúdos de qualidade é o que deve oferecer!

Se você não sabe o que vai escrever contrate um freelancer e diga o que deseja e vai passar o valor do trabalho.

Acesse o maior portal brasileiro de guestpost: https://guestposts.com.br/

6 dicas para criar guest post matadores – Ganhar posições no google

Uma das melhores técnicas para ganhar visitas são os Guest Post. Técnica simples e fácil se for usada da forma correta.

Com o uso do Guest Post podemos divulgar em vários blogs divulgando o nosso trabalho e conquistando novas visitas. A ideia é ter um artigo publicado em outros blogs que aceitam colaboradores e receba muitas visitas.

Técnicas matadoras para criar e ter o seu Guest Post aprovado por outros blogueiros – Guest posts o que é isso?

guest-post

Guest post o que é?

Mas o uso desta técnica requer alguns cuidados, sendo que a maioria dos blogueiros que não escrevem com um Português decente sempre aconselham contratar um redator freelancer. Se você procurar no Google pelos termos aceito guest post, aceitamos guest post ou enviar guest post vai encontrar vários, mas não é em qualquer um que você deve publicar. Confira neste post as melhores dicas para criar Guest Post eficiente em outros blogs e que realmente tragam benefícios ao seu próprio blog!

Definição de Guest Post – Guest post o que é?

Pra definir tudo, um Guest Post é um “Post Convidado”, que você pode fazer em outro blog, como uma publicação normal. O correto seria como o próprio nome já diz ser convidado para fazer um post em outro blog, mas geralmente acontece o contrário você mesmo contata o dono do blog onde gostaria de postar e envia o seu artigo para análise. Lembrando que existe o guest post pago também.

Sacou a ideia? Agora vamos às dicas!

Como fazer guest post

1. Pesquisar sobre o blog onde pretende publicar seu artigo

Primeiro de tudo, você precisa encontrar o blog onde pretende postar um artigo como convidado. Para que o seu Guest Post possa trazer resultados satisfatórios seja qual for o seu objetivo, você precisa tomar dois cuidados especiais neste momento:

  • Certifique-se de que o blog recebe mais tráfego do que o seu (caso você se auto convide, é claro). Se você for convidado, seja bondoso e crie o post (artigos), mesmo em um blog menos frequentado.
  • O blog em questão já recebeu algum post convidado? Se sim, você pode tentar contactar para saber se o post trouxe um bom retorno ou se postar neste blog é perda de tempo. Uma boa dica pode ser analisar a quantidade de comentários que os posts recebem ou encontrar algum post com estatísticas, para ter uma ideia do nível de tráfego do blog.

2. Fazer um estudo dentro do blog almejado

Depois de já ter encontrado o blog onde tentará angariar um post como convidado, você tem duas opções: caso já tenha feito o post, basta enviar ao dono do blog (pule para a dica nº 5). Se ainda vai escrever, você pode fazer um estudo de caso dentro do blog, o que pode trazer muitos benefícios.

Primeiramente, descubra quais são os posts que geralmente tornam-se populares rapidamente e analise como eles foram criados.

O blogueiro escreve em primeira ou terceira pessoa?

Os textos chamam diretamente a atenção do leitor para algum ponto específico ou apenas abordam o conteúdo de forma fechada?

Faça quantas perguntas puder, até encontrar a melhor forma de escrever o seu artigo.

3. Escreva sem gírias

O seu Guest Post não pode ter erros de português ou gírias, por mais que o blog onde estará utilizando o seu texto tenha alguns em seu conjunto dos artigos. Quanto mais profissional você for na escrita, mais relevância vai adquirir dos visitantes do blog onde está postando. Em alguns casos, a relevância que o blogueiro convidado recebe pelo seu post pode ser até maior do que a relevância adquirida pelo próprio dono do blog com seus próprios artigos.

4. Revise o bichinho

Você pode, muitas vezes, publicar artigos em seu próprio blog sem revisar, mas na hora de criar Guest Posts isto se torna totalmente inadmissível! Nunca deixe de revisar o que você escreveu um erro de português muito notável em um post convidado pode fazer com que você perca a relevância de que precisa.

5. Tome cuidado ao enviar o post para o dono do blog

Não é apenas na hora de escrever o seu texto que você precisa tomar vários cuidados. Na hora de enviar ao dono do blog almejado você também deve levar em consideração algumas recomendações:

  • Seja claro e conciso ao escrever o seu email de contato. Quanto mais badalado for o blog que você está almejando, menos tempo o blogueiro terá para gastar batendo papinho por email. Apenas diga que você gostaria de ter um post seu publicado, cite o nome de seu blog, o assunto de seu post e anexe o conteúdo no email. Evite enviar o arquivo zipado. Simples assim!
  • Envie o seu artigo logo no primeiro email. Não pergunte para o blogueiro se ele gostaria de ter “um texto” postado por você em seu blog. Apenas o envie e faça a pergunta no mesmo email. Se ele aceitar, não precisa retornar para “pedir o post”.
  • Faça com que o dono do blog perca o mínimo de tempo possível para editar o seu post. Crie no Word de forma que, quando o blogueiro o copie, não precise editar ou ficar fazendo formatação.
  • Pense na hipótese de anexar uma imagem juntamente com o documento, para dar mais classe ao seu artigo.

6. Não deixe de acompanhar o seu trabalho

Se o texto foi escrito por você, nada mais justo do que responder comentários ou dúvidas que surjam nele. Este é o mínimo que você pode fazer com o seu Guest Post.

Indico enviar o seu Guest Post para várias Redes Sociais, a fim de atrair ainda mais relevância. Com isto, os links que apontam para suas páginas adquirem um peso muito maior.

E agora?

Agora? Apenas confira o sucesso (ou não!) de seu Guest Post e, quem sabe, você possa compartilhar os resultados até mesmo com seus próprios leitores! Não perca esta oportunidade.

Como achar alguns sites/blogs para guest post:

Palavra-chave + intitle: “contribuir para”

Palavra-chave “guest post” / palavra-chave “Escreva para nós”

Palavra-chave “Guest *” blogue

Guest-Post em inglês:

Tecnologia

Shout – Tech – ItechTechWallsSitePointCalling

Uma lista de sites para guest posts em inglês https://www.petersandeen.com/list-of-guest-blogging-sites/

Sites que aceitam guest post

O maior portal brasileiro para guestposts: https://guestposts.com.br/

O seu Guest Post certamente será lido e comentado por muitas pessoas e você pode receber visitas ao longo de muito tempo, principalmente se fizer uma boa otimização de palavras-chave e SEO no seu texto e poderá contar com a qualidade dos links relevantes.

Algumas dicas dos principais motivos para não ser aprovado

– referências racistas, sexistas ou machistas
– memes políticos e partidários
– galeria de imagens e vídeo(s) sem um texto descritivo
– temas fora das áreas de atuação
– difamar ou incriminar pessoas, articulistas ou leitores

Porque o guest posting é uma ideia tão boa? Crie backlinks de graça

O guest posting funciona de duas maneiras, escrever um post no blog de outra pessoa, ou ter um artigo dessa pessoa no seu blog.

Há grandes benefícios para o proprietário do blog e os que escrevem os posts, mas há também algum trabalho associado. Então, a não ser que queira realizar a tarefa toda, não o faça, porque no final só vai prejudicar-se a si mesmo! Existem vários sites que aceitam guest post, mas você também precisa saber como fazer guest post da forma correta.

guest-posting

O que é guest post?

Guest posting isso realmente funciona? O que é guest post?

Obter permissão para escrever um post no blog de outros é bastante fácil, mas geralmente há algumas regras a serem respeitadas para que obtenha o seu tema aprovado.

As regras/diretrizes são principalmente estas:

• O texto é único, o que significa que não publicou em nenhum outro lugar
• Preencha o perfil do autor, aonde será normalmente autorizado postar alguns links
• O e-mail que usa está conectado a um perfil Gravatar
• Tem um X número de palavras
• Pode fazer um X número de links no texto
• Deve responder aos comentários que vão aparecer

E é aqui nesta última regra que terá mais trabalho, mas também onde criará as conexões e relações com bloggers que visitam esse blog, o que também irá beneficiar o seu próprio blog.

Mas por que escrever um post em outro blog? O que é estratégia de guest blogging?

Porque recebe:

Backlinks
• Visitas orientadas para seu blog/site
• O seu blog torna-se conhecido
• Melhora as suas habilidades de escrita
• Torna-se mais conhecido dentro do seu nicho
• Aumenta o seu link building e SEO

Existem diversas e boas razões pelas quais deve permitir guest posts no seu blog. Pode ser porque está com falta de ideias, mas a principal razão deve ser que ele cria o tráfego adicional para o seu blog, porque o escritor vai espalhar a palavra sobre o seu blog.

E o fato de obter texto de qualidade pode ajudar a melhorar o seu SEO do seu blog.

Isto significa que tem:

• Backlinks
• Novos usuários no seu blog / site
• Conteúdo de qualidade
• Novo tráfego
• O seu blog tornar-se mais conhecido
• Para aumentar o link building e SEO

Mas é importante que defina algumas exigências sobre o que o texto pode e deve ser como SEO, link building, temas WordPress, taxas de câmbio ou receitas. Em resumo, define as diretrizes. É importante que as defina antes de começar para que saiba o que está a procurar, e é igualmente importante que as mantenha e as siga, porque um post sobre grelhar costeletas não é relevante se o seu blog é um blog de SEO. A fim de definir os requisitos certos para o seu blog, pode querer encontrar alguma inspiração. Isto pode conseguir a partir de outros blogs que permitem guest posts.

Existem, obviamente, diferenças em quão fácil é começar com guest posts no seu blog e conseguir um post noutro blog. Obter um post publicado noutro blog deve ser a primeira coisa, porque isso também vai espalhar a palavra sobre o seu blog, daí sua popularidade.

Os termos mais usados para procurar no Google:

  • aceito guest post
  • aceitamos guest post
  • envie seu guest post
  • guest post pago

Pode encontrar blogs mais relevantes de pesquisa em “guest post” ou “guest posting“. Onde esta escrito NICHO e KW mude para o que deseja procurar.

NICHO + “guest post”
NICHO + “contribuir para”
NICHO + “contribuintes”
NICHO + “escritor convidado”
NICHO + “guest post”

“% Kw%” + escritor convidado
“% Kw%” + blog convidado
“% Kw%” + “Enviar uma postagem no blog”
“% Kw%” + “Torne-se um colaborador”
“% Kw%” + “blogueiro convidado”
“% Kw%” + “Adicionar postagem no blog”
“% Kw%” + “postagem de convidado”
“% Kw%” + “Escreva para nós”
“% Kw%” + enviar post no blog
“% Kw%” + “coluna convidado”
“% Kw%” + “autor colaborador”
“% Kw%” + “Enviar postagem”
“% Kw%” + “enviar um post convidado”
“% Kw%” + “escreva para nós”
“% Kw%” + “Sugerir um post convidado”
“% Kw%” + “Enviar um post convidado”
“% Kw%” + “escritor contribuinte”
“% Kw%” + “Enviar postagem no blog”
“% Kw%” + inurl: contribuintes
“% Kw%” + “artigo de visita”
“% Kw%” + “enviar um post convidado”
“% Kw%” + “enviar seu próprio post convidado”
“% Kw%” + “Contribuir para o nosso site”
“% Kw%” + “Enviar um artigo”
“% Kw%” + “Adicionar uma postagem no blog”
“% Kw%” + “Enviar um post convidado”
“% Kw%” + “coluna convidado”
“% Kw%” + “enviar sua postagem de convidado”
“% Kw%” + “artigo convidado”
“% Kw%” + inurl: guest * posts
“% Kw%” + Torne-se escritor convidado
“% Kw%” + inurl: convidado * blogger
“% Kw%” + “tornar-se um colaborador”

Guest-Post em inglês:

Fitness

http://foodsense.is/contribute
http://www.thekitchn.com/submissions

Alguns tem em mente quando procura sites para posts convidados tem o foco no DA e PA do blog. O que eu procuro é a qualidade da ligação de entrada que esse artigo possa trazer. Eu não me importo com DA ou PA nesse momento ou aqueles outros fatores de métricas, eu me preocupo com o tráfego. Quero achar um link que direciona tráfego, que impulsiona o meu ranking a minha preocupação é o potencial do tráfego.

Uma dica que eu deixo: mesmo que o site tenha escrito que aceita posts de convidados faça contato com o editor em primeiro lugar perguntando. Já entrei em alguns sites que tinha escrito que aceitava, escrevi o artigo e quando mandei o editor/dono do blog disse que não aceitava mais.

Conseguir que outros escrevam um post no seu blog é mais difícil, porque aqueles que estão querendo escrever guest posts estão sempre à procura de algum valor para os seus textos. O blog deve ter alguns visitantes diários. E pela minha experiência pessoal, quanto mais alto for a sua autoridade será melhor, pois é mais fácil encontrar outras pessoas com interesse em postar no blog.

Porém, existem dois polos diferentes na hora de procurar guest post.

1 – Se o seu blog é novo e você procura um site grande de autoridade normalmente não vai querer linkar para você.

2 – Povão acha que precisa somente procurar sites de PA e DA altos para postar.

Guest post você pode usar para diversificar os seus links e textos âncoras e nesse caso principalmente para quem esta começando procure os sites grandes e os pequenos para diversificar os seus links e ganhar visitas de várias partes.

Existem situações em que ambas as partes se beneficiam, esta é uma delas.

4 maneiras de ter seu guest post rejeitado

1 – Ignorando as Diretrizes

Alguns blogs possuem diretrizes muito bem definidas. Algumas regras de postagem são simples, outras são mais complicadas de seguir. Muitos blogueiros, para conseguir mais vantagens, preferem achar uma brecha nas regras ao contrário de seguir. Porém os grandes sites e blogs seguem as diretrizes à risca e não aceitam postagens fora dessa linha.

Ler as diretrizes antes de começar a escrever é muito importante para evitar tomar seu tempo e o tempo do dono do site. Muitas vezes as explicações são muito claras e ficam bem à vista na página de guest post. Se tiver alguma dúvida, não hesite em perguntar. Esse simples ato evita que você passe uma imagem ruim e perca todas as chances de fazer um guest post para o site.

Ignorar as diretrizes é o primeiro grande erro cometido pelos autores. Basta apenas um deslize para que o texto seja rejeitado.

2 – Links Externos

É comprovado que o guest posting é uma das melhores formas de fazer linkbuilding e promover links patrocinados. Porém existem limites estabelecidos nas próprias diretrizes. Alguns sites aceitam links externos para seu site, outros para programas de afiliados e outros não aceitam links. Ignorar esse fato leva o post a ser rejeitado quase que automaticamente.

Não significa que o leitor não terá benefícios clicando em seu link de afiliado ou visitando o seu site, mas incluir links demais ou criar artigos apenas para promover afiliados não traz nenhum benefício para o dono do site ou para o leitor.

3 – Conteúdo não original

Vamos supor que você criou um artigo super elaborado que trouxe muitos comentários positivos ao seu site. Para aproveitar esse sucesso você resolve fazer uma promoção maior e o envia o post para um blog que aceita guest posts. Afinal, como trouxe muito tráfego para você, também trará para ele. Está certo isso?

Completamente errado. Ter um artigo copiado não traz nada de bom para o outro site. Além dele não ser tão bem posicionado nos mecanismos de busca, pode diminuir a credibilidade do site onde ele está postado. A maioria dos blogs não aceita cópias. Escreva sempre conteúdo original.

4 – Conteúdo não revisado

Qualquer artigo, assim que é criado, precisa de alguns ajustes antes de ser publicado. Normalmente alguns links precisam ser retirados ou mudados de lugar, imagens precisam ser incluídas, palavras negritadas. Além disso, algumas mudanças devem ser feitas para ter uma concordância entre os parágrafos do post.

Se as alterações forem pequenas ou irrelevantes, o próprio dono pode fazer. Porém o artigo no geral deve passar uma informação útil aos leitores. Isso é o básico esperado pelo dono do site que vai receber o guest post

Mas se as alterações forem grandes demais ou se o artigo tiver que ser reescrito de forma significativa, para que forneça conteúdo informativo, o autor do blog simplesmente vai rejeitar o post. Afinal, com o tempo que ele gastaria para corrigir é possível criar um artigo novo. Então, verifique se o artigo está bem escrito e editado antes de enviá-lo.

Conheça os sites que aceitam guest post

Vou indicar algo fantástico sendo hoje o maior portal no Brasil de guests posts:https://guestposts.com.br/

5.0
46
-->Aproveite e cadastre seu email abaixo para receber novas atualizações do site. Após colocar o seu email abaixo vai receber um email de confirmação de cadastro não esqueça de clicar.<--

Receba novidades no seu email:

Delivered by FeedBurner

18 Comentários

  1. Bruno Espanha
  2. Adriano
  3. Cleversson Dantas
  4. Jonas Alves
  5. Erielton Gonçalves
  6. Leandro
  7. Josi
  8. MILTON OLIVEIRA
  9. Alienderson Santos
  10. Abreu Costa
  11. Vinicius
  12. Vanessa Souza
  13. loenardo

Deixe uma resposta