-->Aproveite e cadastre seu email abaixo para receber novas atualizações do site. Após colocar o seu email abaixo vai receber um email de confirmação de cadastro não esqueça de clicar.

Coloque abaixo o seu melhor email e fique atualizado:

Delivered by FeedBurner


Estratégia de CRM em vendas: por que adotá-la?

Do inglês (Customer Relationship Management) o CRM é um sistema de gestão integrada que reúne vários processos e informações dos clientes, como dados pessoais, profissão e objetivos na empresa.

Esse sistema é fundamental para as vendas do negócio. O CRM por 56% das empresas brasileiras, segundo pesquisa da RockContent.

Mais que um software de relacionamento o CRM também é excelente na estratégia comercial, pois o bom relacionamento com o cliente é um ponto chave para entender como captar clientes.

Estratégia de CRM em vendas

Então veja os principais motivos para sua empresa adotar o CRM para alavancar as vendas.

1 – Integra as equipes de marketing e vendas

Um dos principais benefícios do CRM para as empresas é a união das equipes de marketing e vendas para entregar o melhor para o cliente.

Isso ocorre porque o sistema permite acompanhar toda jornada de compra do cliente, desde o primeiro contato, até o fechamento da venda, analisando o banco de dados e o histórico de interações.

Com essas informações a empresa consegue qualificar as estratégias de venda, buscando meios assertivos para vender o produto ou serviço ao cliente.

2 – Melhora a produtividade

Outro bom benefício do CRM para as vendas é a melhora da produtividade. Isso acontece devido a melhora na comunicação, criação, organização e integração das informações dos clientes com alta eficiência no mesmo local.

Com esse software a empresa será muito mais produtiva, pois reduzirá o tempo fazendo anotações e preenchendo planilhas para armazenar as informações dos clientes ajudando a equipe a focar em outras atividades produtivas.

3 – Abordagem de venda mais assertiva

Com informações detalhadas sobre os clientes é possível uma abordagem de venda mais assertiva, pois ajuda a compreender o melhor horário para entrar em contato e como vender o produto ou serviço para o cliente.

Toda informação é útil no processo de venda, desde informações ricas, até as mais básicas, pois isso define os gatilhos mentais para ter uma comunicação clara com o cliente na negociação.

4 – Cria uma relação próxima com o cliente

O CRM ajuda a empresa a ter um relacionamento prolongado com o cliente, pois ele possibilita a equipe a oferecer uma experiência positiva de venda para o cliente, fazendo com que ele fique mais satisfeito com a empresa.

Ao oferecer uma experiência completa para o cliente a companhia pode investir no pós venda, questionando sobre o que ele acha do produto adquirido e deixando informado sobre as atualizações.

Isso possibilita a venda de novos produtos e serviços da empresa, porque sua marca fica mais fortalecida para o cliente, que te enxerga com confiança e prioridade em novas compras.

Alavanque as vendas da empresa com CRM

O CRM é um sistema fundamental no relacionamento com o cliente, pois ele integra todas as informações sobre os clientes que entram na empresa.

Esse software é capaz de alinhar as equipes de marketing e comercial na negociação, pois é possível analisar todo o histórico de interação e assim como o banco de dados.

Após ter todos os dados armazenados no mesmo sistema, fica mais fácil para a equipe trabalhar, pois eles não vão gastar tempo em anotar informações numa planilha, podendo desempenhar outras atividades.

Entre as atividades a se desempenhar é a abordagem de venda. A ferramenta permite saber qual o melhor horário para entrar em contato e planejar os gatilhos mentais de venda para melhorar a comunicação com o cliente.

E isso ajuda a empresa a ter um relacionamento mais próximo com o cliente, isso porque mantém o cliente satisfeito com o atendimento mesmo após a venda, possibilitando a venda de novos produtos e serviços.

Dessa forma, o CRM se mostra uma ferramenta fundamental para aumentar as vendas e a lucratividade do negócio.

Esse artigo foi escrito por Mateus Portela, redator do Soluções Industriais.

Deixe uma resposta