Aprenda como trabalhar com produção de conteúdo para sites e blogs

Como escrever mais, preocupar-se menos e criar um grande conteúdo? Você está preocupado com a quantidade de tempo que você gasta escrevendo um artigo? Você está convencido de que você nunca poderá escrever bem, não importa o que aconteça? Hoje você vai aprender como trabalhar com produção de conteúdo para sites e blogs.

E o mais importante, você passa horas escrevendo um artigo e depois fica insatisfeito?

Eu tive o mesmo problema, escrever menos e me preocupar mais, e acreditem, depois de descobrir e corrigir o erro que eu estava cometendo, eu sou uma pessoa feliz durante e depois de escrever meus artigos. Revisar por outro lado, exige uma abordagem lógica e analítica. Este é o processo de análise da sua escrita de forma racional e eliminar quaisquer erros que possam ter (sempre existe) através do processo criativo da escrita.

Aprenda como trabalhar com produção de conteúdo para sites e blogs – Fazer seu site aparecer no google

Se você escreve e edita ao mesmo tempo, os dois hemisférios do cérebro podem se colidir, e como resultado perder o foco. Uma vez que você perde o foco, o fluxo de ideias criativas se esgotará.

Agora me diga se você pode estar relacionado com este hábito:

  • Você não pode começar a escrever, que fica olhando fixamente para a tela por 15 minutos ou mais, você se cansa e acaba perdendo tempo. Nenhuma das ideias parece ter um sentido lógico.
  • Sai e depois de uma hora volta, mas o mesmo problema acontece.
  • Você está frustrado, mas determinado a escrever alguma coisa.
  • Começa a escrever, e depois de  algumas linhas você começa a encontrar falhas na sua escrita.
  • Fica pesquisando no mesmo momento que está escrevendo.
  • Você começa a editar e melhorar o que você escreveu. Corrigir erros de ortografia, detectar e substituir palavras que se repetem várias vezes e reorganizar as frases.
  • Você não sabe como trabalhar com produção de conteúdo para sites e blogs?

O que é um conteúdo otimizado para SEO – Ficar no topo do google

E por fim você leva mais uma hora para escrever e editar alguns parágrafos e pensa que o tempo gasto você poderia ter feito melhor.

colocar empresa no google

Minha empresa no google

Eu separei completamente a escrita da revisão. O saldo desta separação foi positivo.

Coisas que não se deve fazer quando escreve um artigo:

  • Verificar a ortografia.
  • Procurar as palavras certas em um dicionário.
  • Reajustar a estrutura de uma frase.
  • Procurar fatos na Wikipédia ou no Google no meio da escrita.
  • Revisar direto o que você escreveu.

Coisas que se deve fazer depois de escrever:

Faça tudo listado acima, conforme o caso.

Separar a revisão da escrita, pois isso vai poupar tempo, fará um escritor melhor e vai manter satisfeito. Da próxima vez que você for escrever, lembre-se de não interromper o fluxo de ideias até que você termine. Você vai sentir a diferença.

Então como você superou esse problema?

Eu reconheço que a escrita e edição são dois processos diferentes, mas sempre tive um sério problema com o velho hábito de escrever e editar ao mesmo tempo.

Escrever é um processo criativo, e considerando a natureza fugaz de ideias criativas, elas precisam sair da sua cabeça, mas às vezes acontece dessa ideia sair da sua cabeça com o som dos milhões de pensamentos.

Criação e Administração de Conteúdo – Como fazer minha empresa aparecer no google

O CMS é um sistema de gestão que permite a criação e gerenciamento de conteúdo por usuários com qualquer nível de conhecimento. É uma interface que utiliza um banco de dados para guardar informações que permitem aos usuários editarem e publicar novos conteúdos.

Em suma, o grande diferencial de um CMS é permitir que o conteúdo de um website pudesse ser modificado de forma rápida e seguro de qualquer computador conectado à internet. Um sistema de gestão de conteúdo reduz custos e ajuda a suplantar barreiras potenciais à comunicação na web reduzindo o custo da criação de conteúdo para blogs, contribuição e manutenção do conteúdo.

Os primeiros sistemas de gerenciamento de conteúdo foram desenvolvidos internamente pelas organizações que publicavam uma série de artigos na internet, como os jornais on-line, e publicações empresariais. Usando um dos sistemas abaixo poderá trabalhar com produção de conteúdo para sites e blogs com mais facilidade.

Exemplos de CMS’s

  • Fórum: site que permite a discussão online onde os usuários podem se reunir e discutir assuntos que estão interessados. O PHPBB é um exemplo de CMS para criação de fóruns.
  • Portais: Um portal é um site na internet que funciona como centro aglomerador e distribuidor de conteúdo para uma série de outros sites ou subsites dentro dele, e também fora do domínio ou subdomínio da empresa gestora do portal. Exemplo: Joomla, Drupal, Xoops, PHPNuke.
  • Blogs: publicação de notícias ou artigos em ordem cronológica, com espaço para comentários e discussões. Exemplos: WordPress o mais famoso, B2 Evolution, Nucleus
  • Wikis: Web site onde todos os usuários podem colaborar vários artigos, fornecendo informações ou reescritos, o mais famoso até o momento Wikipédia. Também permite espaço para discussão. Apropriado para o material que vai evoluir ao longo do tempo. Exemplos: MediaWiki, TikiWiki, BoltWire, WikyBlog.
  • eCommerce: São sites de comércio eletrônico. Exemplo: osCommerce, Dynamicweb eCommerce, Magento, OPencart.
  • Galerias: Permite gerenciar e gerar automaticamente um portal ou site que exibe o conteúdo de vídeo e geralmente imagens. Exemplo: Gallery, Piwigo, Zenphoto, InterPhoto Image Gallery.
  • e-Learning: Permite o ensino do conhecimento. Os usuários são os professores e alunos, possui salas de aula virtuais onde são disponibilizados para os materiais do curso, etc. Exemplo: Moodle, Blackboard, Webaula, Atutor, Dokeos, Docebo, Efront.
  • Groupware: É um sistema que apoia o trabalho em grupo, coletivamente. Sistema de softwares como e-mail (assíncrono), agenda corporativa, bate-papo (chat) e wiki pertencem a esta categoria. Exemplo: Achievo, Acollab, Collabtive, Group-Office, Tine, Streber.
  • Redes sociais (facebook, fotologs, my sapce) são alguns dos exemplos de redes sociais. Podemos criar Redes Sociais, com o WordPress e podemos utilizar o plugin Buddypress, já com o Joomla podemos usar plugin Community Builder. Existem vários  CMS para criar Redes Sociais como: Dolphin, Elgg, Mahara, Vmukti, Spree, PHPzabi.

As vantagens mais significativas são:

  • O pessoal responsável pelo site pode adicionar conteúdo sem escrever uma única linha de código de programação.
  • O método de publicação é simples.
  • Facilidade de atualização de conteúdo e design, sem a necessidade de adquirir conhecimentos especializados.
  • Verifique que apenas pessoas autorizadas têm acesso a uma organização que mantém o site.
  • Você pode adicionar conteúdo para o sistema a qualquer momento e até mesmo de dispositivos móveis.

Tudo isto se traduz em:

  • Melhorias na produtividade: os donos das informações são responsáveis pela gestão do seu próprio conteúdo.
  • Melhoria da Eficiência: Permite a reutilização da informação de forma eficiente.
  • Uso eficiente do tempo: Permite atualizar as informações em tempo real e sem atrasos.
  • Gestão de Usuários: Permite vários usuários com logins, senhas e níveis de acessos diferentes que podem trabalhar no site ao mesmo tempo.

As vantagens do CMS hoje em dia é que ele facilita a vida de pessoas comuns que nunca poderiam imaginar que um dia poderiam ser donos de portais ou blogs na internet.

Todos os CMS citados aqui podem ser testados gratuitamente no Site OpenSourceCMS.

Matt Cutts diz que 25% da Web é de conteúdo duplicado – Como fazer minha empresa aparecer na pesquisa do google

Talvez você não se surpreenda com a quantidade de conteúdo duplicado na Web, mas é difícil acreditar que um quarto da Web inteira em 2013 era de conteúdo duplicado imagina hoje em dia.

De acordo com Matt Cutts, chefe da equipe do Google Webspam, é totalmente verdade e tem sido assim por muito tempo.

O que Matt Cutts diz sobre conteúdo duplicado

• O Google não trata o conteúdo duplicado como spam porque o conteúdo duplicado é normal.
• O Google definitivamente quer apenas que uma das páginas de conteúdo duplicado seja classificada. Se você quisesse fazer uma pesquisa exaustiva de tudo, no entanto, você pode encontrar essas outras páginas no final se você informar ao Google que deseja ver todos os resultados.
• O Google pega todas as páginas de conteúdo duplicadas e as coloca em um cluster e, em seguida, escolhe o melhor resultado desse cluster para aparecer em uma SERP.
• Se o seu conteúdo não é escolhido, não é uma penalidade, significa apenas que outro conteúdo bateu/passou o seu conteúdo em termos de relevância, autoridade, classificação, etc.
• Se necessário, o Google ainda pode penalizar um site que está constantemente duplicando conteúdo.

E se alguém escreve um conteúdo primeiro, mas depois é duplicado por um site que pode ter mais autoridade do que o original, e então esse site com a autoridade poderá passar o seu fácil.

Como fazer para minha empresa aparecer no google

Razões pelas quais um post pode falhar

Muitas vezes, escrever um post (você gasta muito tempo) achando que vai ser um sucesso, que vai receber muitos comentários, será o mais popular de acesso ou será o mais linkado. No entanto, a realidade nos diz ao contrário infelizmente. E nesse caso o nosso artigo (o que nós pensamos que seria brilhante ou pelo menos muito bom) passa despercebido pela blogosfera.

E isso quando nos perguntamos o que deu errado? O que falhou? Por que não agradou aos leitores? Por que gastar tanto tempo em um post que não dá resultados?

Essas reflexões nos permitem melhorar e aprender técnicas para escrever posts mais eficazes, para saber o que as pessoas estão procurando e como obter a sua atenção.

Assim, como o famoso problogger nos ensina a nos perguntar quando falhamos em escrever um post:

  • O título poderia ter sido melhor? Mais curto? Mais conciso? Mais direto?
  • Eu poderia ter incluído uma foto para dar um aspecto visual mais impressionante?
  • Eu poderia ter terminado com uma pergunta para os leitores para discutir o assunto?
  • Será que realmente os meus leitores querem esse artigo? É o que eles querem ou preferem?
  • Como promover o post corretamente com ajuda dos meus amigos ou contatos?
  • Publicar um Post em um determinado horário? Quer dizer, quando tiver mais pessoas conectadas? Ou eu fiz errado quando os acessos são menores nos finais de semana?
  • Será que o post ajudou a satisfazer uma necessidade ou um problema dos meus leitores? É uma solução para o que ele está procurando?
  • Poderia ter sido mais interessante ou educacional citando exemplos, ilustrações, opiniões, histórias, citações, etc.
  • Foi um artigo original ou uma nova versão de outro já publicado no meu blog? Será que oferecer algo novo, original, diferente ou mais do mesmo?
  • Será que a mensagem foi concisa ou era muito longa e complexa?

Ao responder a essas perguntas, temos lições valiosas para o futuro.

Eu fiz um conteúdo excelente e agora esta caindo na serp… Veja essa publicação que fiz no facebook e pode ser também o seu caso.

como fazer sua empresa aparecer no google

Como minha empresa aparecer no google

Como fazer minha loja aparecer no google

O que você acha? Você acha que isso é importante analisar estas questões? Eu gostaria de saber sua opinião. Obrigado!

Aprenda como trabalhar com produção de conteúdo para sites e blogs
5 (100%) 56 votes
-->Aproveite e cadastre seu email abaixo para receber novas atualizações do site. Após colocar o seu email abaixo vai receber um email de confirmação de cadastro não esqueça de clicar.<--

Receba novidades no seu email:

Delivered by FeedBurner

Respostas

  1. Claudio Roberto

Deixe uma resposta