Entrevista com Manuel Lemos autor da melhor ferramenta e curso especialista em SEO Criador do 4DUser

Hoje eu consegui uma mega entrevista com Manuel Lemos criador do software 4duser. Se você ainda não conhece o Manuel Lemos aconselho que leia agora. Leia e entenda mais sobre o programa 4duser.

Caros leitores indico que não perca nada escrito nesse artigo você vai aprender muito com as dicas passadas pelo Manuel Lemos. Eu conheci o Manuel Lemos por causa do software 4duser que ele criou. Comprei o programa 4duser, achei fantástico e indico a todos depois dessa leitura.

programa 4duser

Software 4duser

Conteúdo

Entrevista com Manuel Lemos

1 – Por favor, fale sobre o seu trabalho e como chegou ao mundo digital.

Eu comecei a programar computadores quando tinha 13 anos. Cheguei a desenvolver um game com dois amigos com 18 anos e ainda estava em Portugal.

Fui até convidado a ir à RTP (canal de televisão portuguesa) um programa chamado Ponto por Ponto em um momento do programa em que se comentava sobre jogos de computador.

Mais tarde fiz um curso superior de Eng. Eletrônica e Telecomunicações ainda em Aveiro, cidade de Portugal onde eu nasci. Nessa altura já acessava a Internet através da minha universidade.

Cheguei a escrever um livro chamado “Estar na Internet” onde falei de aspectos técnicos e também de aspectos sobre os comportamentos das pessoas na Internet. Logo a seguir vim para o Brasil em 1998.

Em 1999 criei o site PHP Classes que é uma comunidade global de programadores que até hoje tem mais 1.5 milhões de inscritos. Serve para eles compartilharem componentes de programação da linguagem PHP.

Consegui tornar esse site em um negócio que funciona bem até hoje.

Esse site me permitiu ter uma relação próxima do Google, pois fui convidado a ser o que eles chamam de “Top Contributor”.

Todos os anos me chamam para ir aos escritórios deles para saber de novidades dos produtos do Google e também dar sugestões para melhorias, o que para mim constitui um grande privilégio.

2 – Qual a sua opinião sobre ferramentas online? Usa alguma? São confiáveis? Quais são as mais indicadas?

Sim uso várias. Para fins de otimizar sites prefiro as que usam dados que vêm do Google, como o Search Console. Acredito que aqueles dados que eles passam são reais, portanto são confiáveis.

Também uso o Google Analytics para acompanhar tráfego dos visitantes vindos da busca e as conversões com objetivos do site, como número de cadastros, contribuições e quando pretendo acompanhar as vendas.

Agora mais integrado ao Facebook, eu uso o ManyChat que serve para automatizar as interações com os usuários, avisar os interessados quando tem um conteúdo novo, e eventualmente levar as vendas.

Também uso o Trello para ajudar a gerenciar projetos, ainda mais os que envolvem muitas pessoas.

3 – Qual a sua opinião sobre SEO White Hat e Black Hat?

O Google tem suas regras e para se posicionar dentro dos resultados de busca do Google, faz todo sentido cumprir essas regras, pois eles apenas devem valorizar quem cumpre essas regras.

É como se as regras do Google fossem leis. Quem cumpre pode ser valorizado. Quem não cumpre pode ser penalizado. É assim na sociedade em geral onde as leis existem para ser cumpridas. Cabe à justiça fiscalizar e penalizar quem não cumpre as leis.

No caso do Google, quem cumpre as regras está fazendo aquilo que se chamam práticas White Hat (chapéu branco) que é o oposto de Black Hat (chapéu preto).

Eu sou totalmente a favor de SEO White Hat e prático. Claro que eu não vou ficar perseguindo quem não cumpre as regras e faz Black Hat. Eu não sou da justiça do Google, nem pretendo ser, a menos que eu seja prejudicado diretamente por quem não cumpre. Esse papel de promover a justiça em SEO cabe ao Google.

No máximo você pode fazer denúncias, mas mesmo isso eu não faço porque consome muito tempo e não temos a certeza se o esforço feito para fazer denúncias vai valer a pena.

Já passei esse ponto de vista para os funcionários do Google, mas não sabemos exatamente o que acontece com todas as denúncias, e por isso não sabemos se vale a pena denunciar.

Em caso de dúvida, se você tiver a certeza que foi diretamente prejudicado por alguém que pratica algo que não cumpre as regras do Google, aí sim faz sentido denunciar.

4 – Para tudo existe a primeira vez, qual foi a sua primeira experiência com SEO?

É difícil lembrar com certeza porque já foi há muito tempo, mas penso que criar títulos de páginas para bater certo com aquilo que os usuários mais procuram foi certamente algo que eu já comecei fazendo há muito tempo e está dando resultado até hoje.

5 – Todo o mundo envolvido com SEO tem como base os links que, passam por vários estágios e com modelos diferentes na hora de fazer. Qual é o valor real que os links têm atualmente? Deve se preocupar somente com os backlinks?

Pessoalmente não crio o nem recomendo que se “plantem” links “dofollow” (seguidos pelo Google) em sites de terceiros apontando para sites seus.

Penso que existe valor em links “dofollow” internos apontando para as principais páginas dos sites a partir das páginas com maior relevância (“page rank”).

Links “nofollow” (não seguidos pelo Google) em sites de terceiros também têm o seu valor de forma indireta. Pense em uma página de outro site que tenha um link “nofollow” para uma página de um site seu.

Se essa outra página estiver bem posicionada e os usuários clicarem no link que aponta para sua página, indiretamente você pode ganhar visitantes vindos da busca devido ao esforço de otimização da página do site da outra pessoa.

É nesse fazer sentido e que possa vale a pena o que se chamam de “guest posts”, quer dizer criar páginas otimizadas em sites de terceiros que têm uma reputação prévia.

6 – As redes sociais estão presentes mais paralelamente aos mecanismos de pesquisa como o Google ou o Bing. Como podemos aproveitar em termos de SEO?

Nas redes sociais qualquer pessoa pode encontrar outras pessoas ou empresas com produtos ou serviços que querem vender como parte do seu negócio.

Por isso as redes sociais podem servir como primeiro contato entre uma pessoa que pode vir a ser um cliente do seu negócio.

Canais de contato como Facebook Messenger e WhatsApp são meios excelentes para as empresas receberem contatos dos seus clientes interessados no que eles vendem.

7 – Recentemente, começou a liberar muitas extensões para novos domínios. Qual é a sua opinião sobre essas novas extensões e como devemos usar?

Penso que devemos focar no que o usuário espera. Se você está no Brasil, é natural que use domínios terminados em .com.br. Se é para o mercado global que entende Inglês, é natural que use domínios terminados em .com.

O domínio em si não importa muito. Recomendo que usem sempre domínios que ajudem aos usuários lembrar do seu site, de preferência curtos com 3 ou 4 sílabas e que seja único de forma a não serem confundidos com outros domínios da mesma extensão ou de outros.

8 – Quem está interessado em SEO, mas não decidiu ter um treinamento ou software adequado o que você diria?

Recomendo que aprenda com quem pode mostrar resultados comprovados através de gráficos ou planilhas que mostrem a evolução do volume de visitantes recebidos ao longo do tempo.

9 – Na sua metodologia de SEO, você tem os passos dos pontos mais importantes para tornar o projeto bem sucedido ou depende de cada cliente?

A criação de conteúdo útil é o passo mais importante porque é o que ajuda você a mostrar que entende qual é o problema do usuário e que você consegue resolver e dessa forma você começa a ter credibilidade na sua área.

10 – SEO local veio para ficar e seus efeitos já estão sendo notados. Como isso afetará o SEO que conhecemos hoje de palavras-chave curtas? E na monetização como se beneficiar ou como nossos leitores devem tratar essa “nova” abordagem do Google?

O SEO local bem feito não é muito diferente. Penso que a principal diferença é o uso de palavras-chave específicas da cidade ou bairro onde o seu negócio está localizado.

Por exemplo, se você tem uma agência de marketing digital em Bauru, a sua presença na Web deve começar por aí logo a seguir ter um site. Nesse caso você deve se inscrever no Google Meu Negócio para receber um código no local onde realiza o seu trabalho, para assim poder não apenas aparecer na busca normal do Google, mas também no Google Maps.

11 – De todas as técnicas atuais de SEO, qual você nunca usaria?

Pessoalmente não uso nem recomendo usar técnicas de Black Hat como links comprados, conteúdo copiado de terceiros, e outras bem conhecidas que ainda são usadas por algumas pessoas que atuam na área por vezes para clientes.

Como diria Pedro Dias que antes trabalhou no Google, quando se usa técnicas de SEO Black Hat, a questão não é se você vai ser apanhado pelo Google, mas sim quando isso vai acontecer, porque é tudo uma questão de tempo.

12 – Qual é o futuro do SEO? Qual técnica vai triunfar?

Sem dúvida a criação de conteúdo educativo bem estruturado é a técnica que acredito que vai prevalecer porque todos precisam aprender todos os dias.

Para cada problema que uma página ensina a resolver, o conteúdo precisa responder as 3 perguntas essenciais: O Porquê, O quê e o Como.

Normalmente a parte da resposta sobre o como é o que dá orientação para o leitor para comprar um produto que você está vendendo ou entrar em contato para pedir mais informação.

Isto é uma coisa que ensinamos no curso de SEO que vem com a ferramenta 4DUser.

13 – Vou tocar no assunto mais precioso para um especialista em SEO. Sei que não é uma pergunta fácil, mas gosto de correr o risco pelo leitor. Qual é técnica infalível que você usa para fazer o posicionamento com SEO?

Eu não falaria em técnica, mas sim em características pessoais do profissional de SEO. Técnicas há muitas, mas as características pessoais que não falham é a paciência e persistência.

Você precisa aplicar as técnicas e ter paciência para esperar. Depois precisa ter persistência para aplicar as técnicas de novo tantas vezes quantas forem precisas para ter os resultados que se esperam que normalmente é chegar em número 1 no Google.

Através das técnicas ensinadas no curso da ferramenta 4DUser, podemos reduzir esse tempo de espera drasticamente, tudo dentro das regras do Google, ou seja, fazendo SEO White Hat.

14 – Entre todas as técnicas que você usou em toda a sua carreira, existe alguma que você não tenha parado de usar?

Sim, eu sempre tento criar páginas com títulos que batem com aquilo que o usuário mais busca.

Para isso, uso a função auto completar todos os dias para ver quais palavras-chave relacionadas ao problema que uma página resolve. Essas são as que aparecem na função auto completar do Google.

Só isso já ajuda muito a acelerar o posicionamento de uma página desde o momento que é criada. Depois com o tempo podemos melhorar esses títulos.

Para isso hoje em dia eu uso a ferramenta 4DUser para criar as melhores sugestões.

15 – Para futuros especialistas do setor que ainda não se decidiram,  como você os convenceria ou daria dicas para olhar e fazer SEO? Cursos, páginas, softwares você recomendaria para começar?

A principal dica é que aprendam muito com quem sabe. Eu recomendaria seguir um grande profissional de SEO que já mencionei, que é o Pedro Dias que já trabalhou no Google. Muito experiente e sensato. Aprendi muito com ele.

Se você entende inglês, recomendo também seguir John Mueller do Google e Barry Schwartz do site SERoundTable.

Já contatei todos esses profissionais. No caso do John Mueller vou estar com ele em breve no Google em Mountain View no evento da Google Product Experts 2018 para o qual sou convidado todos os anos.

Possivelmente o Pedro Dias e outros colaboradores principais do Google para busca como Alex Pelati, Cassiano Travareli e o Rubens. São pessoas muito generosas e que gostam de ajudar quem fizer tudo dentro da ética.

16 – Vamos entrar na parte que estou curioso. Qual motivo levou a criar o software 4DUser Português?

O principal motivo foi o fato de eu ter criado um curso chamado Valor Prático que ensina a criação de negócios em todas as suas fases.

A ferramenta 4DUser é o caso de sucesso que criei para provar que os métodos que ensino para criar produtos que satisfazem necessidades reais dos clientes.

Felizmente isso se verificou na prática e muitos clientes estão comprando a ferramenta para satisfazer as suas necessidades de otimizar as páginas ou seus sites.

17 – O que esse software 4DUser faz?

É um sistema que ajuda todos que querem otimizar as páginas dos seus sites para conseguir realizar o seu trabalho de forma mais rápida.

Se você já tem um site e quer otimizar as suas páginas, a ferramenta dá sugestões de otimização, mais especificamente que partes das páginas podem ser melhoradas como, por exemplo, títulos da página, cabeçalhos, diferentes seções das páginas, imagens, etc…

Se você tem um site com muitas páginas, a ferramenta 4DUser também ajuda a decidir quais páginas vale a pena investir otimizar primeiro para conseguir um número maior de visitantes vindos do Google no menor espaço de tempo possível.

Outra coisa que a ferramenta ajuda é orientar como enviar páginas criadas ou modificadas por você de forma que o Google saiba que existe uma nova versão da página e pode indexá-la mais rapidamente, talvez em menos de 5 minutos.

Se você não fizer esse esforço, o Google pode demorar muitos dias ou nem sequer saber que você melhorou as suas páginas.

Por fim, a ferramenta vem com um curso de SEO completo que ensina não apenas a usar a ferramenta, mas também como criar páginas no seu site com uma boa estrutura que interessa ao usuário.

Esse curso tem aulas que ensinam, por exemplo, como escrever artigos nas páginas de forma que o leitor aprenda a resolver um problema que ele tem e eventualmente solucionar o problema comprando um produto da empresa dona desse site.

18 – Para quem trabalha com SEO o software vai ajudar em que sentido nas buscas?

Sim, claro, essa é a ideia. Quem trabalhar com o software 4DUser vai ganhar principalmente 2 coisas: conhecimento e tempo.

Conhecimento principalmente sobre como fazer todos os passos do processo de otimização de páginas de forma correta, que é a forma aceita e encorajada pelo Google através das Diretrizes para Webmasters.

Também vai ganhar tempo porque quanto mais rápido executar o seu trabalho, mas rápido o dono do site vai ter resultados e ficar satisfeito pelo retorno obtido pelo seu esforço.

Para quem trabalha com SEO para si mesmo ou para outras empresas isto é ótimo porque quanto mais clientes você conseguir atender em menos tempo, mais ganha porque ao terminar o trabalho para um cliente, mais tempo terá para atender outros.

19 – O software 4Duser tem quantos desenvolvedores?

Atualmente sou só eu, mas em breve pretendemos aumentar o time porque a ferramenta tem suscitado muito interesse de clientes e investidores.

Assim poderemos ter mais recursos para continuar desenvolvendo a ferramenta como já foi planejado depois de ter ouvido inúmeros profissionais de SEO.

20 – Informe os seus projetos online e o que você espera da blogosfera para o futuro?

O maior projeto que eu tenho em termos de volume de conteúdo é o site PHP Classes . É um site tradicional da comunidade global de programadores de PHP que tem mais 1,5 milhões de usuários registrados de todo mundo.

Esse site tem muito conteúdo, não apenas em formato de blog, mas também páginas de componentes de programação em que o conteúdo que está escrito nas páginas é que ajuda os programadores que visitam e decidir se inscrever no site para baixar os melhores componentes de programação que existem no site.

Esse site beneficiou muito em termos de otimização de conteúdo produzido. Inclusivamente vários casos de sucesso que normalmente eu apresento são desse mesmo site.

Também posso comentar sobre dois blogs de pessoas que estou ajudando porque trabalham em áreas em que elas estão compartilhando conhecimento útil que elas têm sobre como resolver problemas de áreas que elas entendem.

Um é o blog sobre moda que por vezes dou como exemplo nas aulas do curso que vem com o software 4DUser. Por exemplo, tem um artigo sobre o que vestir em um primeiro encontro.

Esse é um grande problema especialmente para nós homens que por vezes não ligamos com forma de como nos vestir para cada circunstância. Neste artigo tem várias soluções para cada ocasião.

Outro é um blog sobre artes plásticas em que tem, por exemplo, um artigo sobre como pintar um quadro em tela. Para quem quer aprender sobre pintura, este é um bom exemplo de artigo que pode ser o principio para quem quer se iniciar nessa área.

Tenho outros projetos menores que são mais recentes e outros de clientes, mas não posso comentar muito sobre eles por enquanto devido ainda não ter dado o tempo necessário para ter resultados visíveis.

Para todos que trabalham produzindo conteúdo, seja em blogs ou outro tipo de página posso adiantar que creio que o futuro será próspero se focarem principalmente em educar o visitante que se interessa em aprender sobre soluções para problemas que você sabe qual é a solução.

Afinal de contas, é principalmente por isso que todos nós usamos o Google, quer dizer, procuramos soluções para os nossos problemas.

Entrevista com Manuel Lemos autor da melhor ferramenta e curso especialista em SEO Criador do 4DUser
5 (100%) 10 votes
-->Aproveite e cadastre seu email abaixo para receber novas atualizações do site. Após colocar o seu email abaixo vai receber um email de confirmação de cadastro não esqueça de clicar.<--

Receba novidades no seu email:

Delivered by FeedBurner

Deixe uma resposta