Murilo Portal Guest Post – Mega Entrevista Sobre O Uso Do Guest Post

Hoje estou fazendo uma mega entrevista com o Murilo Portal Guest Post. Se você ainda não conhece o portal leia até o final e veja os benefícios para criar backlinks. 

Já fiz alguns artigos aqui no BMO falando sobre Guest Post e as chances que você tem com essa técnica para posicionar nos buscadores.

Conheci o Portal Guest por indicação de um colega e achei a ideia fantástica e consegui trocar alguns artigos e gerar backlinks de qualidade. Venha comigo nessa entrevista e conheça mais sobre o Murilo Portal Guest Post.

Murilo-Portal-Guest-Post

Conteúdo

Entrevista com Murilo do Portal Guest Post

1 – Murilo Portal Guest Post fale um pouco sobre o seu trabalho e como chegou ao mundo digital. Quando foi que começou a sua relação com o marketing digital? Tem alguma formação na área?

Iniciei no mundo digital em 1996 com 12 anos de idade, quando aprendi a programar com CGI e fiz meu primeiro site hospedando ele na Geosites.

Com o passar do tempo acabei focando mais no desenvolvimento de aplicações para empresas, análise de sistemas e gerenciamento de projetos…Me formei em Sistemas de Informação e fiz especialização em engenharia e projetos de software. Foi somente ano passado, com alguns amigos, que fundamos a Startup Adrua e identificamos a necessidade de nos aprofundarmos nas técnicas de marketing digital.

2 – Qual foi à necessidade que você viu no mercado quando fundou o site guest posts? Quem começou e teve a ideia? Por qual motivo?

Para me aprofundar no marketing digital, acabei entrando em vários grupos no whatsapp que discutiam o tema. Conheci pessoas muito legais que me ajudaram muito. Um dos temas sempre abordados nestes grupos é a prática de fazer guest posts de forma a ganhar autoridade.

A prática utilizada nos grupos era a troca de guest posts. O controle dos sites nestes grupos é feito em uma planilha no google. Foi aí que eu tive a ideia de fazer um sistema que facilitasse a oferta e busca de guest posts.

Convidei cinco pessoas dos grupos para participar do projeto, marcamos um hangout, apresentei as ideias e todos toparam participar. Iniciamos o projeto de forma ágil e com o passar do tempo parte do time foi assumindo outras prioridades. Continuamos eu e Gilberto Machado e em dois meses lançamos a primeira versão para um grupo de 30 pessoas.

Chamamos este grupo de Early Adopters e eles ajudaram muito, deram dicas, identificaram problemas e auxiliaram com a evolução da plataforma guestposts.

3 – Quantos sites têm hoje no portal com trocas de guest posts? Pretende ter quantos sites dentro do projeto?

Atualmente existem mais de 600 sites nos seus três meses de existência. Nós pretendemos expandir cada vez mais o número de sites, pois acreditamos que quanto mais sites tivermos na plataforma mais os usuários ganham com isso, fornecendo mais meios de divulgar sua marca.

4 – Quem entra no site guest posts vai encontrar o que?

Vai encontrar uma plataforma construída com o propósito de resolver problemas para divulgação de guest posts. Desde a oferta e procura de guest posts, até o monitoramento dos seus sites, dos seus links, e plágio… Estamos sempre atentos às sugestões dos usuários e principalmente aos problemas que eles relatam no seu dia a dia.

5 – Como é feita a escolha para quem vai entrar no site guest post?

Atualmente, estamos trabalhando apenas por convite (aqui), mas a procura está tão grande que em breve vamos liberar o cadastro para todos.

6 – Existe alguma moeda de troca na plataforma?

Existe, chamamos ela de guestcoin, é ela que proporciona a oportunidade para todos os usuários. Para que na plataforma não tenha apenas pessoas querendo divulgar sua marca e ninguém querendo publicar a marca dos demais, criamos a moeda para facilitar. A lógica é simples, eu ganho guestcoins publicando no site de alguém e depois uso estes guestcoins para publicar minha marca em outro site.

7 – Como saber as métricas de um site no qual aceitou o artigo “ferramenta SEO”?

Utilizamos serviços de integrações que buscam as métricas de diversas ferramentas, como por exemplo Moz, Majestic, Ahrefs. Então quando cadastro na plataforma um guest post, todos os usuários com sites do nicho são notificados. Os que se interessam pelo tema, se candidatam para publicar o guest post. Dessa forma, o autor do artigo pode ver as métricas dos sites que se candidataram e selecionar qual ele quer publicar.

8 – Quais são as normas do portal para as trocas de artigos? Qual a vantagem para quem recebe o artigo e o link?

Existem algumas regras na plataforma, a principal delas é que o artigo deve ser único e não uma cópia, para isso temos ferramentas que identificam plágios.

Publicar um guest post de qualidade é importante, pois você economiza seu tempo escrevendo sobre o tema e também mantém seu site com novidades. A plataforma permite verificar as avaliações dos usuários, fazendo você ter uma noção da reputação dos usuários envolvidos.

Divulgar sua marca em outros sites, além de gerar mais tráfego direto do site que publicou, mostra para os buscadores que seu site está ganhando notoriedade, fazendo assim, ter uma classificação melhor nas buscas do Google.

9 – Portal – sites que aceitam guest post vai ser internacional?

Sim, estamos nos preparando para isso, em breve vamos lançar a versão em Inglês e Espanhol.

10 – Como pretende ter retorno financeiro com o portal?

A plataforma é free, mas há uma opção de assinar. Quem assina tem acesso a mais funcionalidades, como visualizar mais métricas, publicar mais invite posts e maior monitoramento de plágios.

11 – Como é feita a divulgação do portal?

No início era no boca a boca, nos grupos do whatsapp, atualmente estamos divulgando por adwords e facebook. Os usuários costumam divulgar, pois realmente está ajudando eles. Estamos testando um programa de afiliados que será lançado em breve também.

12 – Quanto tem de gasto com a plataforma?

Alto, as assinaturas das APIs das ferramentas de métricas são caras. O Majestic, por exemplo, cobra 400,00 dólares.  Além disso temos um custo muito alto com as horas de desenvolvimento e suporte. Mas ainda bem que alguns usuários já realizaram as assinaturas e estão nos ajudando a manter a plataforma.

13 – Pretende oferecer serviços no portal?

É difícil prever o futuro dos nossos serviços, já mudamos muito desde que iniciamos. Mas, por enquanto, não pretendemos oferecer serviços que não possam ser automatizados.

14 – Pretende colocar algum serviço de compra de links no site?

Não, isso já tem em tudo quanto é lugar, você encontra facilmente no mercado livre. Em vários sites que você entra em contato para guest posts te ofertam a venda. Esse não é nosso interesse, queremos que todos tenham as mesmas chances na plataforma.

15 – O que você diria que são os três ingredientes básicos de um bom SEO onpage e OffPage que você considera mais e devem ser atendidos?

Não precisa de três, eu penso e faço meus projetos sempre tentando melhorar a experiência dos visitantes. O google sempre leva isso em consideração para melhorar o posicionamento dos sites. É só observar a velocidade, segurança, usabilidade e taxa de rejeição… Então se você faz o melhor que pode para que o visitante tenha uma boa experiência, geralmente dá um bom resultado.

16 – Fala-se muito sobre o conteúdo ser o “rei”. Esta pergunta é dupla: A) Você acha que hoje em dia você pode posicionar um site sem quase conteúdo? B) existem diferentes opiniões sobre o tipo de conteúdo (extensão, palavras-chave, etc.) que o Google gosta. Como seria esse conteúdo ideal para posicionamento na sua opinião?

Sim, na minha opinião é possível posicionar sem conteúdo, depende muito do que você oferece. Como escrevi antes, acredito que o conteúdo ideal é o que responde da melhor forma possível de modo a atender o que o visitante está procurando.

17 – Há muita conversa dizendo quão importante é ter o seu negócio bem visível nos motores de busca, mas você acha que as empresas estão realmente conscientes da necessidade de contratar um serviço de SEO e saber exatamente o que é na prática. Como você explicaria a uma pessoa totalmente fora do setor o que é SEO e o que ela pode alcançar?

Quando explico para os meus colegas esse trabalho, eu faço eles entenderem SEO através de perguntas simples relacionadas ao negócio deles. Por exemplo, eu tenho uma irmã que é arquiteta, então eu pergunto para ela: “Se alguém em Florianópolis quer encontrar um arquiteto, qual a chance da pessoa procurar no Google? Se tiver chance, você sabe quem aparece em primeiro? Será que quem aparece nas primeiras posições não recebe mais clientes por isso? Você sabia que 1000 pessoas procuram pelo termo Arquiteto em Florianópolis por mês?”

As respostas a essas perguntas explica para eles o que é SEO e faz a pessoa refletir se é ou não um bom negócio investir nessa área para o seu negócio.

18 – Qual é o maior inimigo a ser enfrentado no atual momento no campo do marketing digital?

Eu venho percebendo dois movimentos que vêm preocupando os donos dos sites.

O primeiro deles é que o Google está incrementando muitas coisas na busca direta. Se você, por exemplo, procurar hoje por “amor significado”, o Google já responde automaticamente e você não precisa mais acessar os sites de dicionários. Isso está valendo também para muitas letras de músicas, jogos de futebol, previsão de tempo e horários de cinema. Eu não sei onde isso vai parar, mas o Google está acabando com o tráfego de muitos sites.

O outro movimento é a guerra suja no Adwords. Você procura por uma marca e acaba sendo direcionado para o concorrente, pois o mesmo fez um anúncio pago, com o título da marca. Isso pode Arnaldo? Parece que está valendo tudo mesmo.

19 – De uma de Profeta. O que na sua opinião vai revolucionar o fenômeno marketing digital nos próximos anos.

Se é para dar uma de profeta, vamos lá. Eu imagino que no futuro, a inteligência artificial será associada a diversos dispositivos como, por exemplo, óculos ou lentes. Isso revolucionaria o marketing digital. Imagine você olhar um restaurante e digitalmente já aparecer na lente se ele é bem avaliado, quem dos seus amigos já avaliou, quanto que provavelmente você vai gastar, e de acordo com seus padrões de qualidade, qual a probabilidade de você ter uma boa experiência daquele restaurante.

O marketing digital está em constante evolução e sempre vai haver uma novidade e um novo protocolo capaz de fornecer mais dados para o usuário. É um mercado que precisa de constante estudo e atualização e é impossível um profissional dominar todos os meandros desse ramo.

20 – Para terminar, que mensagem você gostaria de deixar para os blogueiros que estão começando e informe os seus projetos online.

Tenha muita força de vontade e você conseguirá construir blogs incríveis. É muito gratificante quando você recebe feedbacks positivos do seu trabalho. Participem de grupos para tirar dúvidas, conheçam boas práticas e cases de pessoas que se deram bem e mal com inovações.

Se você pensar que ainda há 3,5 bilhões de pessoas sem acesso a internet, é simples sacar que é um mercado que tem muito a crescer ainda. Então produza conteúdos práticos, sem muita enrolação e que atraiam a visita das pessoas. Escreva textos, faça vídeos e áudios que realmente agreguem valor. Depois procure divulgar sua marca nas redes sociais e em outros sites do nicho. Pode ter certeza que isso vai te ajudar a atingir os seus objetivos.

Acesse agora pelo convite: https://guestposts.com.br/

Murilo Portal Guest Post – Mega Entrevista Sobre O Uso Do Guest Post
5 (100%) 11 votes
-->Aproveite e cadastre seu email abaixo para receber novas atualizações do site. Após colocar o seu email abaixo vai receber um email de confirmação de cadastro não esqueça de clicar.<--

Receba novidades no seu email:

Delivered by FeedBurner

Deixe uma resposta